Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/2651
acessibilidade
Title: A adopção do Balanced Scorecard como ferramenta de gestão estratégica para o desenvolvimento das organizações do terceiro sector: estudo de caso sobre a Chapitô
Authors: Meneses, João Wengorovius Ferro
Orientador: Amaro, Rogério Roque
Keywords: Desenvolvimento
Empowerment
Terceiro sector
Gestão estratégica
Balanced Scorecard
Development
Third sector
Strategic management
Issue Date: 2008
Citation: MENESES, João Wengorovius Ferro - A adopção do Balanced Scorecard como ferramenta de gestão estratégica para o desenvolvimento das organizações do terceiro sector: estudo de caso sobre a Chapitô [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2008. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/2651>.
Abstract: A presente dissertação tem como objectivo geral a descrição e análise das alterações propostas, e em parte realizadas, de melhoria dos procedimentos de gestão da Colectividade Cultural e Recreativa de Santa Catarina – Chapitô, entre Setembro de 2004 e Setembro de 2007. A Chapitô é uma organização sem fins lucrativos que tem os jovens em risco e as artes performativas como elemento transversal às três áreas em que actua – a Acção Social, a Educação e a Cultura. Adicionalmente, a Chapitô presta serviços de animação, explora um bar e aluga espaço para restauração na sua sede, em Lisboa, com vista assegurar uma maior sustentabilidade económica. Inicialmente, realiza-se uma breve revisão teórica, com o propósito de evidenciar a importância das organizações sem fins lucrativos do terceiro sector para um modelo de desenvolvimento alternativo e das ferramentas de gestão estratégica para a melhoria do seu desempenho. As organizações do terceiro sector desempenham um papel crucial para o desenvolvimento local e para a sustentabilidade o modelo de desenvolvimento. Não só contribuem para a criação de rendimento e emprego, como são determinantes para o bem-estar e a qualidade de vida dos seus beneficiários e para a sustentabilidade social, ambiental e cultural dos modelos de desenvolvimento das sociedades. As premissas deste trabalho são as de que, desde que devidamente seleccionadas e adaptadas, as boas práticas de gestão desenvolvidas e testadas com sucesso nas organizações do sector privado, podem contribuir para a criação de valor nas organizações do terceiro sector, permitindo-lhes melhorar o desempenho e concretizar melhor a sua missão. A profissionalização das práticas de gestão não é contrária aos fins sociais deste tipo de organizações nem à sua necessidade de adaptação e inovação permanentes. Este trabalho resulta de experiência de três anos do seu autor como responsável pela gestão administrativa e financeira da Chapitô, durante a qual procurou implementar um balanced scorecard, como forma de melhorar os seus níveis de eficiência, eficácia e impacte. Pretendeu-se contribuir para o esforço de investigação e experimentação que é necessário realizar quanto a novos modelos e ferramentas de gestão para as organizações do terceiro sector num contexto marcado por novas exigências.
This thesis has as main goal the description and analysis of the proposed, and partially implemented, improvements to the management practices and procedures of “Colectividade Cultural e Recreativa de Santa Catarina – Chapitô”, between September 2004 and September 2007. Chapitô is a non-profit organization that has youth at risk and performing arts as a cross element to the three areas in which it acts – social inclusion, education and culture. Additionally, Chapitô sells animation services, runs a bar and rents space for a restaurant in its headquarters, in Lisbon, in order to ensure a better economic sustainability. Initially, it is made a short theoretical resume, with the purpose of emphasising the importance of non-profit organizations and the third sector for an alternative development model and the importance of strategic management tools for the improvement of their performance. Organizations of the third sector fulfil a crucial role for local development and the sustainability of the development model. Not only contributing for the income and jobs creation but also for the well-being and the quality of life of its beneficiaries and for the social, environmental and cultural sustainability of the development models. The premise of this work is that, since properly selected and adopted, the management best practices, developed and tested with success in the private sector organizations, can contribute to the value creation on the third sector organizations, allowing them to improve their performance and better achieve their missions. Professionalization of management practices doesn’t contradict the social goals of this kind of organizations nor their needs for permanent adaptation and innovation. This work results from three years of experience of its author as responsible for the administration and financial management of Chapitô. During this period he tried to implement a balanced scorecard as a way to improving Chapitô’s levels of efficiency, effectiveness and impact. It was also tried to contribute to the effort of investigation and development of new management models and tools for the third sector organizations – strongly needed in increasingly demanding contexts.
URI: http://hdl.handle.net/10071/2651
Designation: Mestrado em Desenvolvimento, Diversidades Locais e Desafios Mundiais
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.