Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/1153
acessibilidade
Title: Como o clima psicológico e o bem-estar afectivo no trabalho explicam as intenções de abandono das organizações
Authors: Macedo, Irene Cachapa de
Orientador: Major, Maria João
Rego, Arménio
Keywords: Climas psicológicos autentizóticos
Bem-estar afetivo no trabalho
Qualidade de vida
Intenções de abandono
Authentizotic psychological climates
Affective well-being at work
Quality of life
Turnover intentions
Issue Date: 2008
Citation: MACEDO, Irene Cachapa de – Como o clima psicológico e o bem-estar afectivo no trabalho explicam as intenções de abandono das organizações [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2008. Tese de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/1153>.
Abstract: O estudo mostra como as percepções do clima organizacional autentizótico e o bem-estar afectivo no trabalho explicam as intenções de abandono das organizações. Foi inquirida uma amostra de 144 indivíduos, trabalhando em seis empresas do sector agro-alimentar a operar em Portugal. Os principais resultados da investigação são os seguintes: 1. As percepções do clima organizacional autentizótico explicam 39% da variância do bemestar afectivo no trabalho; 2. A dimensão do clima organizacional autentizótico com maior poder preditivo do bem-estar afectivo no trabalho é o espírito de camaradagem; 3. As percepções do clima organizacional autentizótico explicam 40% da variância do prazer, 37% da variância do entusiasmo, 30% do conforto, 29% da serenidade e 5% do vigor; 4. A dimensão do clima organizacional autentizótico com maior poder preditivo das intenções de abandono é a oportunidade de desenvolvimento/aprendizagem; 5. O bem-estar afectivo no trabalho explica 34% da variância das intenções de abandono; 6. As dimensões do bem-estar afectivo com maior poder preditivo das intenções de abandono são o entusiasmo, o vigor e a serenidade.
The study discusses how the perceptions of authentizotic psychological climates and affective well-being at work, explain turnover intentions in the organization. The sample comprises 144 employees from six organizations of food industry operating in Portugal. The main findings include the following points: 1. The perceptions of authentizotic psychological climates explain 39% of the variance of affective well-being at work; 2. The dimension of authentizotic climate with major predictive value of affective well-being at work is the spirit of camaradie; 3. The perceptions of authentizotic psychological climates explain variance of the dimensions of well-being at work as follows: 40% of pleasure, 37% of enthusiasm, 30% of comfort, 29% of placidity and 5% of vigor; 4. The dimension of authentizotic climates with major predictive value on turnover intentions is the opportunity for learning and personal development; 5. The affective well-being at work explain 34% of the variance on turnover intentions; 6. The dimensions of affective well-being at work with major predictive value on turnover intentions are enthusiasm, vigor and placidity.
Description: Classificação do Journal of Economic Literature: • M00-General • M12-Personnel Management
URI: http://hdl.handle.net/10071/1153
Designation: Mestrado em Contabilidade
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Clima Autentizotico.pdf501.76 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.