Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/9190
acessibilidade
Title: “Abenomics: O efeito no retorno dos ETF e contratos futuros sobre o YEN, uma evidência de smart money?”
Authors: Monteiro, Rui Manuel Martins
Orientador: Ramos, Sofia Correia Brito
Keywords: Smart money
Sentimento de mercado
YEN
Exchange Traded Funds-ETF
Abenomics
Issue Date: 2014
Citation: MONTEIRO, Rui Manuel Martins - “Abenomics: O efeito no retorno dos ETF e contratos futuros sobre o YEN, uma evidência de smart money?" [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2014. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/9190>.
Abstract: Neste trabalho é investigada a capacidade dos investidores, através de Exchange Traded Funds (ETFs) e contratos Futuros sobre o YEN, identificarem corretamente o sentimento do mercado cambial num momento de viragem da política económica Japonesa e consequentemente obterem retornos positivos, i.e. o denominado smart money. Utilizando um conjunto de dados de ETFs contratos Futuros em contínuo, sobre YEN foi possível identificar uma relação entre a expectativa de uma mudança na política cambial Japonesa (objetivo: desvalorização do YEN) e o comportamento dos investidores. Verifica-se alguma divergência entre os resultados sobre os ETFs Ultra YEN e os ETFs UltraShort YEN. Ambos ativos apresentam alguma evidência de smart money, mas, contrariamente ao esperado foram as posições longas que apresentaram melhores resultados. Já nas posições curtas, dada a queda significativa do seu ativo subjacente no período pré-eleitoral, seria de esperar fortes sinais de smart money no entanto estes revelaram-se pouco significativos. Foi, no entanto, junto dos intervenientes do mercado de futuros que os sinais de smart money foram mais claros, tanto Commercial como NonCommercial, estes últimos, destacam-se e mostram-se mais assertivos tanto num dado momento t, como até três semanas de antecedência. Os resultados encontrados são suportados, possivelmente, pela natureza dos ativos estudados, os ETFs procuram replicar o comportamento do YEN, enquanto os Commercial têm necessidades de cobertura de risco, já os NonCommercial visam a especulação.
This thesis investigates the ability of investors in ETFs and Futures Contracts to correctly identify the sentiment of the forex market on the YEN at a turning point in Japanese politics. I investigate the so called “smart money” hypothesis. i.e. wether investors are able to forecast positive returns. Using a data from ETFs and Futures Contracts on YEN, it was possible to identify a relationship between the expectation of a change in the Japanese exchange rate policy (goal: devaluation of YEN) and investors behavior. There is some divergence between the results on the Ultra YEN ETFs and UltraShort YEN ETFs, the last one, unlike the first, show some evidence of smart money still far from what would be expected given the significant fall in its underlying asset during the pre-election moment. The signs of smart money showed to be stronger for participants in the futures market, both Commercial and NonCommercial, the latter, stand up and show up much more assertive at a given time t, as even three weeks in advance. The results are, maybe, supported by the nature of the studied assets, ETFs seek to replicate the behavior of the YEN, while Commercial needs are hedging and the aim NonCommercial is speculation.
Description: Mestrado em Economia Monetária e Financeira. / Classificação JEL: G02; G13; G14
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/9190
Thesis identifier: 201021439
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tese corrigida.pdf2.87 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.