Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/7679
acessibilidade
Title: Discriminação em relação às pessoas jovens: efeitos da avaliação de legitimidade da discriminação na identificação com o grupo, bem-estar e expectativas de futuro
Authors: Paixão, Joana Filipa Molhinho Almeida
Orientador: Marques, Sibila
Ramos, Miguel
Keywords: Perceção social
Processos interpessoais
Discriminação
Avaliação de legitimidade
Juventude
Social perception
Interpersonal processes
Discrimination
Legitimacy appraisal
Young
Issue Date: 2013
Citation: PAIXÃO, Joana Filipa Molhinho Almeida - Discriminação em relação às pessoas jovens: efeitos da avaliação de legitimidade da discriminação na identificação com o grupo, bem-estar e expectativas de futuro [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2013. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/7679>.
Abstract: A Psicologia Social começou a interessar-se em estudar a discriminação com foco nos membros de grupos discriminados. As respostas destes indivíduos à discriminação dependem não só da sua prevalência, mas também da avaliação da sua legitimidade. A discriminação pode ter consequências negativas para a saúde dos indivíduos, mas se for avaliada como ilegítima, tende a aumentar a identificação com o grupo, o que cria um efeito protetor e atenua as consequências negativas que dela advêm. Este trabalho teve como objetivo estudar os efeitos da avaliação de legitimidade da discriminação na identificação com o grupo e em indicadores de saúde nos jovens. Participaram neste estudo 80 jovens, com idades entre os 18 e os 33 anos. Os resultados foram de encontro ao esperado e foi encontrado suporte à hipótese de que a avaliação de legitimidade da discriminação modera a relação entre a prevalência da discriminação e a identificação com o grupo, o bem-estar, a autoestima e as expectativas de futuro dos jovens.
Social Psychology has started to become interested in studying discrimination with a focus on members of discriminated groups. The responses of these individuals to discrimination depend on the pervasiveness of discrimination and on discrimination legitimacy appraisals. Discrimination can have negative consequences for health, but when perceived as illegitimate, there is a tendency to increase group identification, which creates a protective effect and attenuates the negative consequences. This work aimed to study the effects of legitimacy appraisals in group identification and health indicators of young people. Participants were 80 young people aged between 18 and 33 years old. The results were in line with our expectations and we found support for our hypothesis that legitimacy appraisals moderate the relationship between pervasive discrimination and group identification, well-being, self-esteem and expectations for the future of young people.
URI: http://hdl.handle.net/10071/7679
Thesis identifier: 201063875
Designation: Mestrado em Psicologia Social da Saúde
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Dissertaçao de Mestrado Joana Paixão MPSS.pdf466.63 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.