Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/6175
acessibilidade
Title: Tédio na adolescência: estudo de adaptação e validação da "Boredom Proneness Scale" junto de uma amostra de adolescentes portugueses
Authors: Martins, Ana Isabel Dias
Orientador: Garrido, Margarida Vaz
Keywords: Tédio
Escala de propensão para o tédio
Validação
Adolescentes
Boredom
Boredom proneness scale
Validation
Adolescents
Issue Date: 2012
Citation: MARTINS, Ana Isabel Dias - Tédio na adolescência: estudo de adaptação e validação da "Boredom Proneness Scale" junto de uma amostra de adolescentes portugueses [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/6175>.
Abstract: Qualquer ser humano em algum momento da sua vida poderá experienciar tédio. Contudo, o estudo sistemático do tédio foi durante algum tempo limitado não apenas pela ausência de uma definição consensual do construto, mas também pela ausência de instrumentos de medida adequados (Watt & Vodanovich, 1999). Em Portugal esta temática tem sido pouco abordada, e não existem instrumentos de medida devidamente validados. O presente trabalho visa a validação da Escala de Propensão para o Tédio (Boredom Proneness Scale (BPS); Farmer & Sundberg, 1986) junto de uma amostra de adolescentes portugueses. Para tal a BPS foi traduzida e adaptada ao contexto nacional, e aplicada a uma amostra de 215 participantes a par de um conjunto de outras escalas que medem construtos relacionados. A estrutura fatorial obtida foi semelhante à encontrada em estudos anteriores. No entanto é importante salientar que a variância explicada (32.26%) é bastante inexpressiva. A análise das qualidades psicométricas da escala revelou bons indicadores de fidelidade, sugerindo boa consistência interna e temporal do instrumento. As correlações observadas entre a BPS e uma medida de tédio independente sugerem validade convergente. As correlações entre a BPS, e outros instrumentos que medem construtos relacionados, designadamente solidão, procura de sensações e depressão, revelaram-se significativas mas modestas sugerindo a presença de construtos distintos. Como tal, o padrão de correlações foi tomado como indicador de validade discriminante. Finalmente a escala mostrou-se sensível a algumas variáveis que a literatura refere como relevantes neste contexto, designadamente o género e o desempenho académico dos inquiridos.
Boredom can be experienced by any human being at some point in their life. However, the systematic study of boredom has been substantially limited both by the absence of a consensual construct definition and by the lack of suitable measurement instruments (Watt & Vodanovich, 1999). In Portugal, this topic has attracted little attention and there are no validated measurement instruments to assess it. The present work aims to validate the Boredom Proneness Scale (BPS), (Farmer & Sundberg, 1986) with a sample of Portuguese adolescents. For this purpose, BPS was translated and adapted to the Portuguese context, and applied to a sample of 215 participants along with a number of other scales that measure related constructs. The factor structure obtained was similar to that found in previous studies. However it is important to note that the variance explained (32.26%) was quite low. The analysis of the psychometric properties of the scale showed good reliability indicators, suggesting good internal and temporal consistency of the instrument. The correlations observed between the BPS and an independent measure of boredom suggests convergent validity. The correlations between the BPS and other instruments that measure related constructs, including loneliness, depression and sensation seeking, were significant but modest, suggesting the presence of distinct constructs. As such, these correlational patterns were taken as indicators of discriminant validity. Finally the scale was sensitive to some variables that the literature refers to as relevant in this context, namely gender and academic performance of the respondents.
URI: http://hdl.handle.net/10071/6175
Designation: Mestrado em Psicologia Comunitária e Proteção de Menores
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tédio na Adolescência- validação de escala.pdf1.75 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.