Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5336
acessibilidade
Title: Empresariado, ambiente cultural e desenvolvimento em Cabo Verde e S. Tomé e Príncipe: os rabidantes de Santiago e os candongueiros de S. Tomé. Uma abordagem comparada das suas dinâmicas
Authors: Santo, Armindo Silvestre de Ceita do Espírito
Orientador: Murteira, Mário
Keywords: Desenvolvimento
Empreendedorismo
Rabidantes
Candongueiros
Dinâmicas socioculturais
Entrepreneurship
Social and cultural dynamics
Issue Date: 2011
Citation: SANTO, Armindo Silvestre de Ceita do Espírito - Empresariado, ambiente cultural e desenvolvimento em Cabo Verde e S. Tomé e Príncipe: os rabidantes de Santiago e os candongueiros de S. Tomé. Uma abordagem comparada das suas dinâmicas [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2011. Tese de doutoramento. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5336>. ISBN 978-989-732-125-2.
Abstract: Este trabalho teve por objectivo estudar as dinâmicas dos empresários informais da área urbana em Santiago e em S. Tomé para uma melhor compreensão das razões que explicam um relativo avanço de Cabo Verde em termos de desenvolvimento em relação a S. Tomé e Príncipe. O estudo demonstra que as práticas e estratégias dos comerciantes informais em Santiago são diferentes das práticas e estratégias dos candongueiros são-tomenses e isso deriva do ambiente social em que se estruturaram os valores culturais em cada um dos respectivos países, os quais determinaram formas de actuação diferentes em cada um deles com reflexos nos seus processos de desenvolvimento. O estudo mostra que a actividade dos empresários africanos vai muito além da simples relação de troca na medida em que constitui um processo de dinâmicas de mudanças socioculturais específicas: cria emprego, rendimento, reduz a pobreza e contribui para a coesão social e transformação sociocultural, com particular relevância para a libertação da mulher da hegemonia machista dos homens africanos. Este trabalho mostra que o sector informal em África constitui a base social, ou sociocultural, em que, provavelmente, emergirá o empresariado africano «moderno» para impulsionar o desenvolvimento dos países africanos. Este empresariado que vem de “baixo para cima” articula-se melhor com o paradigma de desenvolvimento local ou comunitário na medida em que exige o envolvimento, a participação e integração das pessoas dos meios locais ou comunitários, de forma interactiva, em busca de soluções para os problemas colocados.
This work study the dynamic of the informal entrepreneurs of the urban area in Santiago and S. Tomé for one better understanding of the reasons that explain the difference of the rhythm of development between Cape Verde and S. Tomé and Príncipe in recent period. This study demonstrates that the practical and the strategies of the informal traders in Santiago are different of the practical ones and strategies of the candongueiros in S. Tomé, and this is the result of the social environment where the cultural values in each one of the respective countries had structuralized, which had determined different forms of actuation in each one of them with consequences in its processes of development. This comparative study shows that the activity of the African entrepreneurs goes very beyond the simple relation of exchange in the measure where it constitutes a dynamic process of specific social and cultural changes: it creates job, income, reduces the poverty and contributes for the social cohesion and social and cultural transformation, with particular outstanding for the release of the woman of the African men hegemony. This work shows that the informal sector in Africa constitutes the social base where, probably, the African “modern” entrepreneurship will emerge to stimulate the development of the African countries. This entrepreneurship that comes from “below to top” is articulated better with the paradigm of local development because it demands the envelopment, participation and integration of the local people, in interactive process, to achieve the solutions for their social problems.
Description: JEL Classification System: O55-Africa; O57-Comparative Studies of Countries
URI: http://hdl.handle.net/10071/5336
Thesis identifier: 101247150
ISBN: 978-989-732-125-2
Designation: Doutoramento em Economia
Appears in Collections:T&D-TD - Teses de doutoramento

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
TESEDOUTECONOMIA.pdf1.54 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.