Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5219
acessibilidade
Title: Satisfação no emprego: o impacto da educação
Authors: Almeida, Filipa Marina Alves de
Orientador: Simões, Nádia
Keywords: Sobre-educação
Satisfação no emprego
Qualidade no trabalho
Análise estatística
Análise dimensional
Over-education
Job satisfaction
Job quality
Statistical analysis
Econometric analysis
Issue Date: 2012
Citation: ALMEIDA, Filipa Marina Alves de - Satisfação no emprego: o impacto da educação [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5219>.
Abstract: O presente estudo aborda o mismatch de competências dos indivíduos europeus, no sentido de compreender se a uma educação (des)adequada corresponde uma maior ou menor satisfação no emprego. Complementarmente, é tido como objectivo a aferição dos determinantes da satisfação no emprego, dando especial atenção à variável adequação de competências (sub e sobre-educação). Tendo por base o Fourth European Working Conditions Survey, que incide sobre inúmeras dimensões das condições de trabalho apuradas em 31 países europeus, e utilizando um índice de qualidade no emprego, assente numa abordagem multidimensional e micro-económica que incorpora dimensões objectivas e subjectivas foi estimado um modelo Tobit com o intuito de responder a estas questões. Os resultados do modelo gerado apontam, ao nível das características dos indivíduos, uma menor satisfação no género feminino, explicada através das dimensões aprendizagem, salário, autonomia e perspectivas de carreira. A educação é um aspecto-chave na determinação da satisfação que um indivíduo possa sentir em relação à sua ocupação. Conclui-se que níveis adicionais de educação geram maior satisfação. Inquiridos que tenham frequentado o ensino superior mostram-se mais satisfeitos ao nível das dimensões objectivas, nucleares e complementares. Contudo, indivíduos cujas competências estejam claramente acima das tarefas desempenhadas registam menores níveis de satisfação, justificados pelo impacto negativo das condições físicas, intensidade, saúde, perspectivas de carreira, aprendizagem e das recompensas intrínsecas. Ao nível das características das empresas, é evidenciada uma maior satisfação no sector público, sendo valorizadas dimensões subjectivas como a segurança, a intensidade e a aprendizagem.
This study focuses on the european individuals skills mismatch, aiming the understanding of whether an inappropriate education level generates higher or lower satisfaction at work. In addition, it aims to identify the determinants of job satisfaction, in particular under and over-education. Based on the Fourth European Working Conditions Survey, which analyses several dimensions of working conditions found at 31 european countries, and using an index of job quality, based on a multidimensional and microeconomic approach that incorporates objective and subjective dimensions, it was estimated a Tobit model in order to answer to these questions. The results of the estimated model show, at the individual’s characteristics level, that there is lower satisfaction on the feminine gender, explained by the dimensions education, salary, autonomy and career perspectives. The education is a key factor in determining the satisfaction an individual might feel towards his/ her occupation. The conclusion is that additional education levels generate higher satisfaction. The questioned people who had college education levels, have shown bigger satisfaction relating the objective, nuclear and complementary dimensions. However, individuals whose skills are clearly above the executed tasks register lower levels of satisfaction, justified by the negative impact of the physical conditions, intensity, health, career perspectives, education and inner rewards. At the companies characteristics level, the higher satisfaction is shown at the public sector, where the subjective dimensions as security, intensity and education are valorized.
Description: C51, I20, I24, I29, J24, J28
URI: http://hdl.handle.net/10071/5219
Designation: Mestrado em Economia da Empresa e da Concorrência
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Satisfação no Trabalho_O Impacto da Educação_Filipa Almeida_ISCTE IUL.pdf646.96 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.