Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/504
acessibilidade
Title: O nexo comensurabilidade-mercadorização e as limitações da análise custo-benefício como guia para a acção dos poderes públicos
Authors: Costa, A. C.
Rodrigues, J.
Keywords: Mercadorização
Análise custo-benefício
Políticas públicas
Comensurabilidade
Issue Date: 2005
Publisher: Dinâmia
Series/Report no.: Dinâmia Working Paper
2005/48
Abstract: Este artigo pretende escrutinar os pressupostos teóricos e as implicações práticas da análise custobenefício, actualmente um dos mais influentes e controversos instrumentos de avaliação das políticas públicas proposto pela ciência económica. O ponto de partida é o que designamos por nexo comensurabilidade-mercadorização que, como procuraremos demonstrar, estrutura o discurso e as recomendações de política da análise custo-benefício. Por nexo comensurabilidade-mercadorização entendemos a associação entre a defesa da comensurabilidade, ou seja, da ideia de que é sempre possível e desejável reduzir as diferentes dimensões de valor dos bens a uma mesma medida, atribuindo-lhes um preço, e a defesa da extensão dos mecanismos de mercado a esferas crescentes da vida social. Assim, o discurso de que tudo tem um preço e a defesa de que esse preço capta o essencial do valor de um certo bem contém o que designamos por enviesamento mercantil que, como esperamos demonstrar, é indissociável da análise custo-benefício, ou seja, contém um mal disfarçado compromisso normativo com uma visão apostada na universalização da instituição do mercado. A teoria da escolha racional é o esteio teórico desta abordagem, esteio cujas fragilidades na análise do comportamento dos indivíduos nem sempre estão claras quando se discutem os méritos e deméritos deste instrumento. Recorrendo a parte da ampla literatura existente neste campo na teoria económica, mas também na filosofia e no direito, é então nosso propósito contribuir para clarificar os pressupostos, as limitações e as implicações da análise custobenefício.
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/504
Appears in Collections:DINÂMIA'CET-WP - Working papers com arbitragem científica

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
DINAMIA_WP_2005-48.pdf168.3 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.