Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/4386
acessibilidade
Title: Sobre o conceito e medição da desigualdade comercial
Authors: Ferreira, Flávio Rúben de Sousa
Orientador: Crespo, Nuno Miguel Pascoal
Keywords: Comércio internacional
Desigualdade comercial
Geografia económica
Concentração espacial
International trade
Trade inequalities
Economic geography
Spatial concentration
Issue Date: 2011
Citation: FERREIRA, Flávio Rúben de Sousa - Sobre o conceito e medição da desigualdade comercial [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2011. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/4386>.
Abstract: Com o início da década de 1970, o volume de comércio mundial de bens e serviços sofre um crescimento exponencial. A esta aceleração de trocas comerciais é atribuída uma eventual diminuição da concentração espacial da actividade económica em geral. No entanto, fortes irregularidades espaciais da distribuição populacional, da riqueza e, particularmente, da actividade comercial continuam a persistir. É no âmbito da desigual distribuição mundial do comércio que surge a presente investigação. Esta, com o intuito de aferir as causas de tal disparidade, propõe-se a uma condensação das diversas contribuições teóricas caracterizadoras do comércio internacional e a uma análise e quantificação dos factores explicativos para tal ocorrência. A análise empírica desenvolvida, conjugada com o contexto teórico enunciado, traz-nos algumas respostas. Em suma, as diferentes características de estrutura sectorial, geográfica, dotações factoriais, grau de integração comercial, nível de infra-estrutura e nível tecnológico, entre países, assumem uma relação bastante forte e positiva com a distribuição comercial. Em termos gerais, maiores diferenças nestas características, registadas para os diferentes países, estão relacionadas com superiores desigualdades comerciais.
With the beginning of the 1970s, the world trade volume in goods and services is subject to an exponential growth. To this acceleration is assigned, in general terms, a possible decrease in the spatial concentration of economic activity. However, strong spatial irregularities on the population distribution, on wealth and particularly on commercial activity continue to persist. It is in this context of world trade unequal distribution that the present investigation arises. In order to determine the causes of these disparities, it is proposed a summary of the theoretical contributions that characterizes the international trade and an analysis and quantification of factors that explain such occurrences. The developed empirical analysis in conjunction with the theoretical context brings us some answers. In short, the different characteristics of industrial structure, geography, factor endowments, level of trade integration, level of infrastructure and technological level between countries takes a very strong and positive relationship with the trade distribution. In general, large differences in these characteristics, registered for different countries, are related with higher inequalities in trade.
URI: http://hdl.handle.net/10071/4386
Designation: Mestrado em Economia
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tese Flavio Ferreira.pdf5.43 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.