Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/2663
acessibilidade
Title: Estado, Autoridades Tradicionais e Legitimidade Política: os parâmetros de um «casamento de conveniência» em Mandlakazi
Authors: Lourenço, Vítor
Keywords: Autoridade tradicional
Estado
Relação política
Legitimidade
Mandlakazi -- Moçambique
Issue Date: Jun-2005
Publisher: Centro de Estudos Africanos do ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa
Abstract: O processo de «modernização política» que actualmente se verifica em Moçambique tem conferido grande visibilidade e uma nova importância à questão do relacionamento entre o Estado e as Autoridades Tradicionais. Com efeito, e dada a persistência das Autoridades Tradicionais enquanto agentes de mediação entre o passado e o presente, o Estado pós-colonial não pode hoje ignorar o papel dessas autoridades na arena política. Trata-se, assim, de um quadro relacional ambíguo e complexo: apesar de predominantemente baseado num aparelho político moderno, o Estado vê-se na contigência de tentar absorver as Autoridades Tradicionais, procurando deste modo beneficiar simultaneamente de factores de legitimação política «modernos» e «tradicionais». As Autoridades Tradicionais, por outro lado, enquanto lutam pela manutenção do seu controlo sob as populações, procuram ao mesmo tempo capturar parte dos recursos do Estado e utilizá-los para manter padrões de dominação baseados na existência de redes familiares e clientelares alimentadas pela redistribuição de riqueza e de lugares de poder.
It is commonly accepted that the current process of «political modernization» in Mozambique has given increased visibility and importance to the problems concerning the relationship between State and the Traditional Authorities. In face of the resilience of Traditional Authorities as mediation agencies between the present and the past, the State cannot afford to ignore their presence in the political landscape. The picture is rather complex: however predominantly based on a modern political apparatus, the State also tries to include the Traditional Authorities under its umbrella, thus seeking to benefit both from «modern» and «traditional» political legitimization. Traditional Authorities, on the other hand, while fighting to keep control over their communities on their own terms, are nevertheless eager to capture some of the State resources, to increase their ability to maintain the old ruling patterns, based on the existence of a clientelist network nurtured through the redistribution of wealth and positions of power.
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/2663
ISSN: 1645-3794
Appears in Collections:CEI-RN - Artigos em revistas científicas nacionais com arbitragem científica

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
2004:05_7:8_4.pdf332.72 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.