Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/21156
acessibilidade
Title: Considerações sobre a sustentabilidade ambiental, social e económica dos hábitos alimentares ocidentais
Authors: Carvalho, Beatriz Pereira de
Orientador: Graça, João Daniel de Sousa
Keywords: Sustentabilidade
Hábitos alimentares ocidentais
Pecuária
Alteração climática -- Climate Change
Sustainability
Western diet
Livestock
Issue Date: 9-Dec-2020
Citation: Carvalho, B. P. de. (2020). Considerações sobre a sustentabilidade ambiental, social e económica dos hábitos alimentares ocidentais [Dissertação de mestrado, Iscte - Instituto Universitário de Lisboa]. Repositório Iscte. http://hdl.handle.net/10071/21156
Abstract: Atualmente, somos confrontados por importantes desafios globais de sustentabilidade que incluem a proteção da biodiversidade, a mitigação das alterações climáticas e a redução das desigualdades sociais. Assim, importa avaliar em que medida as nossas ações diárias podem ajudar a mitigar ou exacerbar estes problemas. A alimentação é uma vertente importante a explorar já que vincula inextricavelmente a saúde humana e a sustentabilidade ambiental. Em geral, a dieta global atual reflete os hábitos alimentares ocidentais, especialmente no que diz respeito ao elevado consumo de produtos de origem animal. Nesse sentido, a presente dissertação procurou rever evidências sobre a sustentabilidade dos hábitos alimentares ocidentais, considerando três dimensões de sustentabilidade: ambiental, social e económica. Desta análise constatamos que o consumo de produtos de origem animal (i.e., carne, peixe, ovos, lácteos) parecem ter um papel importante no agravamento das alterações climáticas, esgotamento dos recursos naturais e depleção da biodiversidade. Adicionalmente, os atuais padrões de consumo destes alimentos podem contribuir, através das alterações climáticas, para a detioração da saúde humana e o aumento das desigualdades sociais e da migração forçada. Face às ameaças para a insustentabilidade ambiental e social, a médio e longo prazo, estes hábitos alimentares podem gerar também impactos económicos negativos a uma escala mundial. Face às evidências disponíveis, concluímos que o caminho para atingir padrões de consumo mais sustentáveis passam pela transição para uma alimentação de maior base vegetal. Destacamos ainda a importância de se criarem estratégias governamentais de forma a facilitar este processo de transição para sistemas alimentares mais sustentáveis.
Currently, we are facing several global challenges, concerning sustainability, which are complex and difficult to achieve, such as the protection of biodiversity, the mitigation of climate change and the reduction of social inequalities. Thus, there is a need to assess whether our daily actions are contributing to mitigate or exacerbate these problems. Eating habits are an important aspect to explore as they inextricably link human health and environmental sustainability. In general, our current global diet is in line with the Western diet, especially when it comes to the high consumption of animal products. In this sense, this dissertation sought to review evidence regarding the sustainability of western eating habits, considering three dimensions of sustainability: environmental, social and economic. From this analysis we found that the consumption of animal products, such as meat, fish, eggs and dairy products, seems to play an important role in aggravating climate change, depleting natural resources and decreasing biodiversity. Additionally, current consumption patterns of these products may contribute, through climate change, for the deterioration of human health and the increase of social inequalities and forced migration. In the face of environmental and social sustainability threats these eating habits can also generate negative economic impacts on a worldwide scale. Considering available evidence, we conclude that the path to achieve more sustainable consumption patterns is through the transition to a more plant-based diet. We also highlight the importance of creating government strategies to facilitate the process of transitioning to more sustainable food systems.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/21156
Thesis identifier: 202567311
Designation: Mestrado em Estudos de Desenvolvimento
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
master_beatriz_pereira_carvalho.pdf783.56 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.