Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/20116
acessibilidade
Title: Ser (um) expatriado, numa empresa: uma obrigação, uma distinção, um parêntese
Other Titles: Portuguese expatriates dealing with their expatriate experience: obligation, opportunity, discontinuance
Authors: Coelho, J. V.
Keywords: Internacionalização de empresas
Expatriado
Experiência
Issue Date: 2019
Publisher: Departamento de Sociologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto
Abstract: A ambivalência de representação de uma expatriação, uma prática de prestação de trabalho observável em contextos de internacionalização de empresa, constitui o horizonte de problematização da pesquisa reportada pelo presente artigo. Vinte e quatro casos individuais de expatriação observados no âmbito da internacionalização de cinco empresas dotadas de génese ou presença nacional, constituem a referência empírica da pesquisa. Enquanto experiência vivida, regista-se que ser (um) expatriado, numa empresa, corresponde a uma situação de trabalho pela qual se despoletam ou consumam motivos individuais divergentes. Três tipos de experiência individual de expatriação são, a este respeito, descritos e distinguidos.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/20116
DOI: 10.21747/08723419/soc37a3
ISSN: 0872-3419
Ciência-IUL: https://ciencia.iscte-iul.pt/id/ci-pub-63240
Appears in Collections:CIES-RN - Artigos em revistas científicas nacionais com arbitragem científica

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Expatriation_SociologiaUP.pdfVersão Editora294.3 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.