Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/15368
acessibilidade
Title: O papel da nostalgia nas mudanças organizacionais
Authors: Moreira, Sara Helena
Orientador: Rosa, Miriam
Rita, Guerra
Keywords: Psicologia organizacional
Mudança organizacional
Cultura organizacional
Identificação organizacional
Nostalgia
Identification
Organization
Change
Issue Date: 15-Dec-2017
Citation: MOREIRA, Sara Helena - O papel da nostalgia nas mudanças organizacionais [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2017. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/15368>.
Abstract: Este estudo explorou o papel da nostalgia nas mudanças organizacionais, nomeadamente procurou-se saber se perante um cenário de mudança organizacional a nostalgia tinha um efeito protetor na identificação com a organização. Para tal realizaram-se 2 estudos, um experimental (Estudo 1) e outro correlacional (Estudo 2). Devido ao número reduzido de participantes no Estudo 1, realizou-se um segundo estudo onde também se procurou encontrar diferenças nos níveis de nostalgia entre quem passou por mudanças organizacionais e quem não passou por mudanças organizacionais. Os resultados revelaram que não existem diferenças entre quem passou e quem não passou por mudanças organizacionais e também que não existe um efeito protetor da nostalgia na identificação com a organização. No entanto, verificou-se que quanto maior os níveis de nostalgia, maiores os níveis de perceção das consequências individuais, tendo a nostalgia um efeito protetor nesta variável. Este trabalho quis mostrar, pela primeira vez, o papel da nostalgia organizacional em contextos concretos de mudança e perceber a relação entre a nostalgia e a identificação com a organização. Apesar dos resultados não permitirem mostrar o esperado, permitiram fornecer direções para estudos futuros.
The present study explored nostalgia’s role at organizational changes, specifically, it explored if in a context of organizational change, nostalgia had a protective effect on organizational change. For this, 2 studies were made, an experimental study (Study 1) and a correlational study (Study 2). Due to the lack of participants in Study 1, a second study was conducted, looking for differences in nostalgia levels between workers who went through an organizational change and those who did not. The results showed no differences in nostalgia between those who already experienced an organizational change and those who did not; and nostalgia did not have a protective effect on organizational identification. However, results showed that when nostalgia levels are high, the levels of individual and collective consequences are higher. This work intended to show, for the first time, the role of nostalgia in concrete contexts of change and understand the effects of nostalgia in organizational identification. Although the results did not support our hypotheses, they allowed providing directions for future studies.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/15368
Thesis identifier: 201790378
Designation: Mestrado em Psicologia Social e das Organizações
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
sara_helena_moreira_diss_mestrado.pdf1.82 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.