Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/13864
acessibilidade
Title: Estudo sobre a eficiência das carteiras de investimentos das Seguradoras Vida em Portugal
Authors: Talefe, Ana Clara de Matos Soares Pereira Jacinto
Orientador: Dias, José Carlos
Keywords: Empresa seguradora
Seguro de vida
Gestão de carteiras
Política de investimento
Valorização de ativos
Trabalho de projeto
Portfolios choice
Investment decisions (General Financial Markets)
Insurance
Insurance companies (Financial Institutions and Services)
Financial Risk and Risk Management
Issue Date: 13-Dec-2016
Citation: TALEFE, Ana Clara de Matos Soares Pereira Jacinto - Estudo sobre a eficiência das carteiras de investimentos das Seguradoras Vida em Portugal [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2016. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/13864>.
Abstract: As empresas de seguros são consideradas um dos principais investidores institucionais em Portugal e desempenham um papel importante na vida económica, social e política. As responsabilidades assumidas, de médio e longo prazo, traduzem-se, através de estratégias orientadas para o seu passivo, em participações de instrumentos de dívida de mais longo prazo do que comparado com outros investidores institucionais. As empresas de seguros, através dos seus produtos, garantem proteção em consequência de situações adversas financeiras em caso de perda de vida ou dos recursos financeiros ao longo do tempo. Perante estes compromissos, as empresas de seguros enfrentam o desafio de investir os prémios dos segurados de tal forma que os fundos estejam disponíveis para satisfazer as necessidades dos segurados no presente e no futuro. Nos últimos anos, o ambiente macroeconómico, a elevada segmentação dos mercados, as políticas fiscais restritivas, a aversão ao risco e desaceleração da economia e a política monetária do BCE - Banco Central Europeu- de manter as taxas de juro historicamente baixas, por um período alargado, são desafios para o setor segurador e fundos de pensões. A redução dos retornos médios oferecidos pelos ativos, particularmente os que apresentem menor risco, poderá revelar-se insuficiente para satisfazer os compromissos assumidos nos produtos oferecidos no setor segurador. O objetivo deste trabalho é realizar uma avaliação da eficiência sobre alocação dos ativos das carteiras de investimentos das empresas de seguros que exploram o ramo vida em Portugal. Baseando-se em benchmarks apropriados para cada classe de ativos na construção de fronteiras eficientes e na alocação de ativos, informação extraída dos Inventários de Títulos dos relatórios e contas das empresas de seguros, referente ao ano de 2014, pretende analisar-se se as companhias seguradoras efetuam uma alocação de forma eficiente dos seus ativos, aplicando as metodologias e conceitos referenciados na Teoria de Capitais de Markowitz.
Insurance companies are considered one of the leading institutional investors in Portugal and play an important role in economic, social and political life. The liabilities assumed, medium and long term, translate, through strategies targeted to their liabilities in holdings of longer-term debt instruments that compared to other institutional investors. Insurance companies through its products provide protection as a result of financial adverse situations in the event of loss of life or financial resources over time. In light of these commitments, insurance companies face the challenge of investing the premiums of policyholders so that funds are available to meet the needs of policyholders in the present and in the future. In recent years the macroeconomic environment, the high segmentation of markets, restrictive fiscal policies, risk aversion and economic slowdown, and the ECB's monetary policyEuropean Centrak Bank - to maintain historically low interest rates for a period extended, are challenges for the insurance sector and pension funds. The reduction in average returns offered by assets, particularly those that have less risk, it may be insufficient to meet the commitments made in the products offered in the insurance sector. The aim of this paper is to evaluate the efficiency of asset allocation of the investment portfolios of insurance companies operating in the life insurance of Portugal. Based on appropriate benchmarks for each asset class in building efficient borders and asset allocation, information extracted from the Securities Inventories of reports and accounts of insurance companies, for the year 2014, we intend to examine whether companies insurance effecting an allocation of its assets efficiently, applying the methodologies and concepts referenced in Markowitz Capital Theory.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/13864
Thesis identifier: 201533383
Designation: Mestrado em Finanças
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tese_ AnaClaraTalefe.pdf1.72 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.