Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/13041
acessibilidade
Title: Self-regulated learning and training effectiveness
Authors: Lourenço, Daniel Frederico Marques Ezequiel Calvário
Orientador: Ferreira, Aristides
Keywords: Self-regulated learning
Metacognition
Transfer motivation
Training transfer
Training evaluation
Gestão de recursos humanos
Aprendizagem ao longo da vida
Relação formação-emprego
Auto-eficácia
Metacognição
Transferência de conhecimentos
Qualidade da formação
Avaliação do desempenho
Issue Date: 15-Nov-2016
Citation: LOURENÇO, Daniel Frederico Marques Ezequiel Calvário - Self-regulated learning and training effectiveness [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2016. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/13041>.
Abstract: In the last years, training has shifted towards a more learner-centred perspective. In parallel, given the rapidly changing workplaces, employees are required to engage in self-regulatory processes regarding their learning and performance, in order be professionally wellsucceeded. However, and despite abundant evidence suggesting the critical role of processes like selfefficacy or metacognition to learning and transfer, little is known about the role of selfregulated learning to training effectiveness in the workplace. This dissertation aims to address this gap through two studies. Study one describes the construction and validation of an innovative instrument to measure self-regulated learning in training. Departing from Zimmerman’s (2000a) cyclical model of self-regulated learning and through a sample of 230 individuals, results indicate that this new instrument is reliable and valid. In study two, a theoretical model in which self-regulated learning plays a central role in training evaluation is proposed and validated. The relationships among self-regulated learning, training climate, transfer motivation and training evaluation are examined using the structured equations method with a sample of 137 individuals. Study findings indicate that self-regulated learning mediates the relationship between training climate and both transfer motivation and training evaluation. These findings support the introduction of the concept of self-regulated learning in training research and offer new insights into the way organisations can improve training effectiveness. Implications for research are practice are explored.
Nos últimos anos, a formação mudou no sentido de uma perspetiva mais centrada em quem aprende. Paralelamente, dada a rápida mudança nos locais de trabalho, os trabalhadores são chamados a participar em processos de auto-regulação relativos à sua aprendizagem e ao seu desempenho, para que possam ser bem-sucedidos profissionalmente. Porém, e apesar da abundante evidência que sugere que processos como a auto-eficácia ou metacognição têm um papel crítico na aprendizagem e transferência, pouco se sabe sobre o papel da auto-regulação da aprendizagem para a eficácia da formação no local de trabalho. Esta dissertação tem por objetivo abordar esta lacuna através de dois estudos. O primeiro estudo descreve a construção e validação de um inovador instrumento de medição da auto-regulação da aprendizagem em formação. Tendo como ponto de partida o modelo cíclico de auto-regulação da aprendizagem de Zimmerman (2000a), e através de uma amostra de 230 indivíduos, os resultados indicam que este novo instrumento é fiável e válido. No segundo estudo, é proposto e validado um modelo teórico no qual a auto-regulação tem um papel central na avaliação da formação. As relações entre auto-regulação da aprendizagem, clima de formação, motivação para a transferência e avaliação da formação são analisadas utilizando o método das equações estruturadas com uma amostra de 137 indivíduos. Os resultados do estudo sugerem que a auto-regulação da aprendizagem atua como mediador da relação entre o clima de formação e quer a motivação de transferência, quer a avaliação da formação. Estes resultados dão suporte à introdução do conceito da auto-regulação da aprendizagem na investigação da formação e oferecem novas perspetivas sobre como as organizações podem aumentar a eficácia da formação. São analisadas as implicações para a teoria e para a prática.
Description: JEL Classification System: M12 – Personnel Management M53 – Training
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/13041
Thesis identifier: 201554135
Designation: Mestrado em Gestão de Recursos Humanos e Consultadoria Organizacional
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
SRL_Dissertation_Daniel Final.pdf2.86 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.