Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/9746
Full metadata record
acessibilidade
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAzzim, Mohamed-
dc.contributor.authorMarques, Pedro Ferreira-
dc.date.accessioned2015-09-14T16:21:54Z-
dc.date.available2015-09-14T16:21:54Z-
dc.date.issued2013-
dc.date.submitted2013-10por
dc.identifier.citationMARQUES, Pedro Ferreira - Bank relationships and firm performance: the case of small and micro firms [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2013. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/9746>.pt-PT
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10071/9746-
dc.descriptionJEL Classification: G21, G32por
dc.description.abstractEste estudo apresenta nova informação sobre a relação entre a performance da empresa e o número de relações bancárias, num contexto em que a informação assimétrica é reduzida por uma central de crédito de reporte obrigatório. A amostra consiste numa base de dados exclusiva de 178 micro e pequenas empresas portuguesas que usam os bancos como a maior fonte de financiamento externo. Os resultados, usando a análise OLS, demonstram a existência de uma relação negativa estatisticamente significativa entre a rendibilidade do activo e o número de relações bancárias. Por cada relação bancária adicional, a rendibilidade do activo reduz-se em 0,8 pontos percentuais. A mesma relação (ainda que mais fraca) pode ser retirada para a rendibilidade operacional das vendas, mas apenas na amostra composta exclusivamente pelas pequenas empresas. O paper avalia também possíveis efeitos diferenciais relacionados com o tamanho da empresa e descobre uma ligação mais forte para as pequenas empresas do que para as micro empresas. Ao analisarmos os resultados por sector económico no qual a empresa está inserida, os resultados apresentam uma relação negativa muito mais forte entre a rendibilidade do activo e o número de relações bancárias para o sector secundário (1,5 pontos percentuais) do que para o sector terciário (0,7 pontos percentuais). Este estudo confirma a hipótese de que menos relações bancárias reduzem as assimetrias de informação e aumentam o acesso ao capital. Para as micro e pequenas empresas, este efeito positivo tem mais peso do que os problemas decorrentes do monopólio da informação geralmente associados a relações bancárias mais fortes.por
dc.description.abstractThis paper provides new evidence on the relation between firm performance and the number of bank relationships in a context of reduced information asymmetries. The sample is an exclusive data set of 178 Portuguese micro and small businesses that use banks as the major external source of capital. The findings, using ordinary least-square analysis, show a statistically significant negative relation between return on assets and the number of bank relationships. For each additional bank relationship, return on assets decreases 0,8 percentage points. The same relation (albeit weaker) is confirmed for return on sales, but only in the small firms subsample. The paper evaluates possible differential effects related to firms’ size and discovers a stronger connection for small firms than for micro firms. When taking into account the firm’s economic sector, the results present a much stronger negative relation between return on assets and the number of bank relationships for the secondary sector (1,5 percentage points) than for the tertiary sector (0,7 percentage points). The study supports the hypothesis that fewer bank relationships mitigate information asymmetries and increase access to capital. To micro and small business firms, this positive effect is more valuable than the hold-up problems generally associated with stronger banking relationships.por
dc.language.isoengpor
dc.rightsrestrictedAccesspor
dc.subjectRelationship lending, firms’por
dc.subjectPerformancepor
dc.subjectSMEpor
dc.subjectBank relationshipspor
dc.subjectFinançaspor
dc.subjectBancapor
dc.titleBank relationships and firm performance: the case of small and micro firmspor
dc.typemasterThesispt-PT
dc.peerreviewedSimpor
dc.identifier.tid201192195-
thesis.degree.nameMestrado em Finanças-
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tese - pdf.pdf2.29 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.