Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/9662
acessibilidade
Title: Mwalakaji ou Kivwadi: cuidados materno-infantis na medicina tradicional angolana entre mulheres imigrantes em Portugal
Authors: Mayunga, Rosa Maria
Orientador: Amaro, Rogério Roque
Carvalho, Clara
Keywords: Desenvolvimento
Desenvolvimento sustentável
Saúde
Saúde materno-infantil
Medicina tradicional
Medicina alternativa
Pluralismo terapêutico
Mother and child health
Development
Sustainable development
Traditional medicine
Alternative medicine
Therapeutic pluralism
Issue Date: 2013
Citation: MAYUNGA, Rosa Maria - Mwalakaji ou Kivwadi: cuidados materno-infantis na medicina tradicional angolana entre mulheres imigrantes em Portugal [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2013. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/9662>.
Abstract: Mwalakaji ou Kivwadi são nomes usados em Angola para designar os cuidados materno-infantis na medicina tradicional angolana. É uma especialidade terapêutica de prevenção e cura, integrando várias práticas de sustentabilidade para o equilíbrio físico e emocional da mãe, na preparação da gestação e do parto, quer para a criança antes e após o nascimento, prolongando-se até aos cinco anos de idade. Parece ser a forma natural e mais equilibrada, utilizada pelas famílias angolanas, na promoção dos cuidados de saúde materno-infantis, aproveitando os benefícios que dela resulta de forma piramidal no bem-estar (físico, psíquico e emocional). Esta “filosofia” de prevenção e cura – com bases assentes em práticas alimentares equilibradas, combinadas com outras complementares, que parecem funcionar como principais inibidores de doenças – é também a manifestação da identidade dos angolanos em Portugal, como salvaguarda dum legado. Segundo Amaro (2003:567): "O desenvolvimento sustentável é definido como o conceito das gerações atuais que não põe em causa a satisfação das gerações futuras". Esta investigação tem como objetivo fazer o estudo antropológico e sociológico destas práticas, usadas por mulheres Angolanas, Tokoistas e Kimbanguistas na diáspora.
Mwalakaji or Kivwadi are names used to describe maternal and infant care in traditional Angolan medicine. It consists of a therapeutic system for prevention and healing, integrating various practices for the sustainable physical and emotional balance of the mother in preparation of pregnancy and delivery, and for the child before and after birth, lasting up to five years of age. The Mwalakaji practice seems to be the most balanced and natural way to promote baby and child health, with Angolan families enjoying the cumulative benefits of well-being (physical, mental and emotional). This “philosophy” of prevention and cure, based on a special balanced diet and combined with other complementary practices, seem to work as one of the main inhibitors of disease. In addition to being a therapeutic, preventive and health benefits, it is also the manifestation of the identity of Angolans in Portugal thus preserving a legacy. According to 8 Amaro (2003:56): “Sustainable development is defined as the concept of the current generation that does not detract from the benefits for future generations”. The theme proposed in this research aims to carry out a sociological and anthropological study of these practices, used by Angolan women in the diaspora, and especially by the Tocoists, in order to determine the extension of its use and its consequences in the community to which they belong.
Description: Mestrado em Desenvolvimento e Saúde Global
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/9662
Thesis identifier: 201015374
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
RosaM_ Junho de 2015.pdf3.04 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.