Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/9082
acessibilidade
Title: Perda por imparidade em ativos fixos tangíveis: comparação entre as atuais normas contabilísticas internacionais e chinesas
Authors: Oliveira, Catarina Rodrigues Alves de
Orientador: Isidro, Helena Oliveira
Keywords: Perda por imparidade
Ativos fixos tangíveis
IAS
IASB
CASC
ASBE
Impairment losses
Fixed assets
Issue Date: 2014
Citation: OLIVEIRA, Catarina Rodrigues Alves de - Perda por imparidade em ativos fixos tangíveis: comparação entre as atuais normas contabilísticas internacionais e chinesas [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2014. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/9082>.
Abstract: Este estudo tem como objetivo comparar as normas contabilísticas de relato financeiro (IAS/IFRS), emitidas pelo IASB, com as normas contabilísticas chinesas (ASBE), emitidas pelo CASC, relativamente a perdas por imparidade em ativos fixos tangíveis. Esta comparação foi efetuada uma vez que, apesar dos esforços da República Popular da China para convergir as duas normas, existem ainda diferenças entre elas, nomeadamente, quanto a perda por imparidade de ativos fixos tangíveis. Pretende-se verificar as atuais diferenças e semelhanças entre as duas normas. Segundo a ASBE 4, é apenas aplicável o método de custo como política de mensuração subsequente de ativos, enquanto a IAS 16 permite também o método de reavaliação, sendo esta a principal diferença entre as duas normas de ativos fixos tangíveis. Por outro lado, a IAS 36 permite a reversão de uma perda por imparidade reconhecida em anos anteriores, exceto goodwill, enquanto a ASBE 8 não permite qualquer reversão. São também estudadas algumas empresas chinesas relativamente à qualidade dos seus relatórios anuais, comparando-a com dados das empresas. Para tal, foram criados temas provenientes das quatro normas e variáveis financeiras geradas por dados retirados dos relatórios. Assim, conclui-se que a qualidade dos relatórios das organizações estudadas não é influenciada pela sua a dimensão nem tangibilidade. Por outro lado, o endividamento, a rendibilidade e a margem das entidades influenciam a qualidade dos seus relatórios em alguns temas. Palavras-chave: ; ; ; ,
The objective of this study is to compare the International Financial Reporting Standards (IAS/IFRS), issued by IASB, with the Accounting Standards for Business Enterprises (ASBE), issued by CASC. Specifically, this study will look at the treatment of impairment losses on tangible fixed assets. This comparison is needed because, despite the efforts of the People's Republic of China in merging the two standards, differences still exist between them, specifically the impairment loss resulting from tangible fixed assets. This study is designed to compare the differences and similarities between the two standards. According to ASBE 4, the cost method is only applicable as a subsequent policy, while IAS 16 also permits the revaluation method. This is the main difference between the two standards on tangible fixed assets. Furthermore, IAS 36 allows the reversal of an impairment loss recognized in prior years, except for goodwill, while ASBE 8 does not allow for any reversal. Additionally, studies on Chinese companies were also conducted on the quality of their annual reports. The quality characteristic was developed through the use of themes created from several aspects of the four standards and though financial variables generated by data obtained from reports, comparing the quality of them with their characteristics. Thus, it is concluded that the quality of corporate reporting studied is not influenced by the corporations’ size or tangibility. It is, on the other hand: debt, profitability, and the margin of the entities that influence the quality of their reports on certain issues.
Description: Dissertação submetida como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Contabilidade / Código de classificação JEL: M41
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/9082
Thesis identifier: 201014351
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.