Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/7631
acessibilidade
Title: Protesto político nas democracias da Europa do Sul (Portugal, Espanha e Grécia): uma análise comparada e longitudinal (2002-2012)
Authors: Amador, Inês Bernardo
Orientador: Viegas, José Leite
Teixeira, Conceição Pequito
Keywords: Democracias da Europa do Sul
Participação política
Protesto político
Southern europe democracies
Political participation
Political protest
Issue Date: 2013
Citation: AMADOR, Inês Bernardo - Protesto político nas democracias da Europa do Sul (Portugal, Espanha e Grécia): uma análise comparada e longitudinal (2002-2012) [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2013. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/7631>.
Abstract: Estudos recentes sobre o tema da participação política têm verificado, em termos globais, uma crescente redução no envolvimento dos cidadãos nas tradicionais formas de participação política, associadas ao processo eleitoral e às instituições representativas, e uma ampliação do envolvimento em modalidades ligadas ao protesto político. Diferentes factores têm sido apontados como sendo explicativos e impulsionadores destas modalidades, alguns de ordem contextual e outros ao nível individual. Com este estudo pretendemos estabelecer uma análise comparativa e evolutiva entre os países da Europa do Sul, nomeadamente Portugal, Espanha e Grécia, procedendo à utilização dos dados recolhidos nas cinco vagas do European Social Survey (2002 a 2010). Para responder empiricamente ao impacto dos diferentes factores para a explicação do protesto político, analisámos especificamente o caso português antes e depois da eclosão da crise financeira e recorremos aos dados recolhidos nas duas vagas de 2008 e 2012 do Inquérito à População Portuguesa.
Recent studies on the subject of political participation have shown that there is an increasing global reduction of citizen involvement in traditional forms of political participation - related to the electoral process and representative institutions - and a widening of involvement in modes related to political protest. Different factors have been pointed as explanatory and driving of such modes, some at a contextual level and others at an individual level. In this study we aim to establish a comparative and progressive analysis between the Southern European countries Portugal, Spain and Greece, using the data collected by the European Social Survey's last five waves (2002-2010). In order to provide empirical answers to the impact of the different factors for the explanation of political protest, we specifically analyzed the Portuguese case before and after the financial crisis and also used the data collected through the 2008 and 2012 waves of the Survey to the Portuguese Population.
Description: Mestrado em Ciência Política
URI: http://hdl.handle.net/10071/7631
Thesis identifier: 201009587
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Dissertação FINAL - CORPO tudo.pdf1.76 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.