Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/6596
acessibilidade
Title: A influência dos valores no psycap: análise de uma organização sem fins lucrativos
Authors: Gomes, Ana Rita Pereira
Orientador: Gomes, Jorge
Keywords: Valores
Psycap
Organização sem fins lucrativos
Values
Non-lucrative organization
Issue Date: 2009
Citation: GOMES, Ana Rita Pereira - A influência dos valores no psycap: análise de uma organização sem fins lucrativos [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2009. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/6596>.
Abstract: O Comportamento Organizacional Positivo (COP), tendo como suporte base os ideais da Psicologia Positiva, agrupou as características psicológicas positivas mensuráveis dando origem ao conceito de Capital Psicológico Positivo – Psycap. Com o decorrer dos tempos tornou-se relevante aprofundar quais seriam os aspectos que o influenciam. Nesse sentido, os Valores podem ser importantes influências, pois têm sido vistos como determinantes importantes do comportamento humano. Com esta investigação pretendeu-se saber se determinados Valores estão na base da manifestação dos atributos e dos comportamentos psicológicos positivos podendo, simultaneamente, contribuir para um enriquecimento das próprias temáticas. Participaram 110 indivíduos, sócios de uma organização sem fins lucrativos, os quais responderam, colectivamente na parte final de uma reunião, ao instrumento, composto pelo Questionário de Valores de Schwartz e o Questionário do Capital Psicológico Positivo (Psycap). Ao longo da dissertação foi apresentada uma revisão de literatura da corrente da Psicologia Positiva, seguindo-se o conceito de Comportamento Organizacional Positivo (COP) e as temáticas centrais, os Valores e o Psycap. O tratamento estatístico dos dados recolhidos, através do SPSS versão 15.0, permitiu o estudo das qualidades métricas do instrumento, da estatística descritiva, e a testagem das hipóteses em estudo, através de correlações de Pearson e regressões múltiplas. Os resultados mostram que todas as hipóteses se confirmaram. Conclui-se portanto que a auto-transcendência está positivamente correlacionada com a esperança e com a resiliência, e que a abertura à mudança está positivamente correlacionada com o optimismo e com a auto-eficácia. Todavia o universalismo parece ser predictor da esperança, resiliência e optimismo, e a autonomia preditora da esperança, resiliência e auto-eficácia.
The Positive Organizational Behavior (POB), based on the ideas of Positive Psychology, has put together the measurable positive psychological characteristics, creating the concept of Positive Psychological Capital- Psycap. As time went by it became necessary to learn which aspects influenced it. In that sense, Values can be important influences as they have been held to be important factors of human behavior. With this investigation we intend on determining which Values are at the base of the manifestation of attributes and the positive psychological behavior that can simultaneously contribute to the enrichment of the theme itself. 110 individuals participated, members of a non-lucrative organization, that answered collectively at the end of a meeting, to the instrument, formed by the Schwartz Questionnaire of Values and the Positive Psychological Capital Questionnaire- Psycap. Throughout the thesis a revision of the current Positive Psychology literature was revised, followed by the concept of the Positive Organizational Behavior (POB), the central themes, values and the Psycap. The treatment of the data, through the programme SPSS version 15.0, allowed the study of the metric qualities of the instrument, of the descriptive statistics, and the application of the hypostasis of the study, through the correlation of Pearson and multiple regressions. The results show that every hypothesis has proven to be correct. It can be concluded that auto-transcendence is positively related with hope and resilience, and that being open to changes is positively related with optimism and self-efficacy. The universalism seems to be the predictor of hope, resilience and optimism, and the auto- determination predator of hope, resilience and self-efficacy.
Description: Mestrado em Psicologia Social e das Organizações
URI: http://hdl.handle.net/10071/6596
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Dissertação_Ana Rita Gomes.pdf719.71 kBAdobe PDFView/Open
Anexos_Ana Rita Gomes.pdf1.46 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.