Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/6297
acessibilidade
Title: As PME de base tecnológica na transição para um novo sistema energético em Portugal: características, estratégias e barreiras à atuação
Authors: Pedroso, Eduardo Ferreira
Orientador: Lança, Isabel Salavisa
Keywords: Mudança de sistema tecno-institucional
Carbon lock-in
NEBT - novas empresas de base tecnológica
Energias renováveis
Tecno-institutional systems shift
Carbon lock-in
NTBF – new technology-based firms
Renewable energies
Issue Date: 2012
Citation: PEDROSO, Eduardo Ferreira - As PME de base tecnológica na transição para um novo sistema energético em Portugal: características, estratégias e barreiras à atuação [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/6297>.
Abstract: A coevolução entre tecnologia e instituições cria sistemas estáveis que, apesar de providenciarem à sociedade a satisfação das suas necessidades, podem criar bloqueios sistémicos ao desenvolvimento e difusão de alternativas tecnológicas mais eficientes. Este é atualmente o caso para muitas tecnologias energéticas, de transporte e industriais que se encontram demasiado dependentes da utilização de combustíveis fósseis, os quais estão na base dos atuais desafios ambientais. A existência de um carbon lock-in requer assim profundas alterações dos sistemas tecnológicos vigentes no sentido de uma economia hipocarbónica, o que recai sobre múltiplos agentes, designadamente nas Novas Empresas de Base Tecnológica (NEBT) a operar no sector das energias renováveis. Deste modo, a presente dissertação procura contribuir para um melhor conhecimento das estratégias e barreiras específicas de empresas dessa natureza a operar em contexto nacional. Para o efeito, foi considerada uma amostra inicial de PME do distrito de Lisboa e Setúbal caracterizadas segundo o seu ano de criação, origem, número de pessoas ao serviço, volume de negócios, área(s) tecnológica(s) e tipo de negócio. Seguidamente, através da aplicação de entrevistas, realizaram-se sete estudos de caso – a seis PME e a uma grande empresa. Os resultados obtidos refletem a heterogeneidade comportamental das empresas, mas é possível destacar o facto de operarem maioritariamente em nichos; apresentarem uma elevada dinâmica tecnológica e de inovação; deterem recursos humanos altamente qualificados; terem estratégias de internacionalização e expansão de atividade bem definidas; e enfrentarem um conjunto de barreiras fortemente associadas ao fenómeno de carbon lock-in que, ao contrário do que a teoria fazia prever, não se centram na questão dos custos mais baixos das tecnologias convencionais, mas antes na problemática evolução e configuração das políticas públicas de promoção ao desenvolvimento do sector das energias renováveis.
The co-evolution of technology and institutions creates stable systems that, despite meeting society’s needs, can create systemic barriers to the development and dissemination of alternative and more efficient technologies. This is currently the case for many energy, transportation and industrial technologies that are too dependent on the usage of fossil fuels and are the basis of many of today's environmental challenges. Therefore, the existence of a carbon lock-in requires major changes of existing technological systems towards a low-carbon economy, which depends on multiple agents, namely on New Technology-based Firms (NTBF) operating in the renewable energy sector. This dissertation seeks to contribute to a better understanding of the strategies and barriers of such firms operating in the national context. For this purpose, a sample of SMEs located in the districts of Lisbon and Setúbal was analyzed. The firms were characterized according to their formation year, origin, number of employees, turnover, technological domain(s) and type of business. Then, through the conduction of interviews, seven case studies were carried out – six SMEs and one large firm. The results reflect the behavioral heterogeneity of the firms analyzed but it is possible to highlight some dominant traits: they operate mostly in niches; present high technological and innovative dynamics; have highly skilled human resources; have well defined internationalization and expansion strategies; and face a set of barriers strongly associated with the phenomenon of carbon lock-in that, contrarily to what the theory predicted, is not focused on the issue of the cost-advantage of conventional technologies, but rather on the problematic configuration and evolution of public policies aiming to promote the development of a renewable energy sector.
URI: http://hdl.handle.net/10071/6297
Designation: Mestrado em Economia da Empresa e da Concorrência
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.