Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/6296
acessibilidade
Title: Normalização: a difusão em países e regiões menos desenvolvidas
Authors: Filipe, Ana Margarida
Orientador: Mendonça, Sandro
Keywords: Normas
Normalização
ISO
Países em vias de desenvolvimento
Regiões
Standards
Standardization
Developing countries
Regions
Issue Date: 2012
Citation: FILIPE, Ana Margarida - Normalização: a difusão em países e regiões menos desenvolvidas [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/6296>.
Abstract: O mundo globalizado de hoje, fruto da acelerada evolução tecnológica e do desenvolvimento de novos processos e produtos, é caracterizado pela forte interação entre nações, pessoas e empresas de todo o mundo. O volume do comércio mundial ganha uma nova dimensão à luz das trocas inter-fronteiras e as economias dependem cada vez mais das relações internacionais. As normas têm o propósito de facilitar o comércio a larga escala, estabelecendo requisitos e alinhando correspondências entre componentes de produtos e processos. A normalização pretende eliminar as barreiras informacionais e técnicas que se criam, reduzindo os custos de transação. No entanto, o alcance das normas vai muito para além do comércio, atingindo áreas da sociedade como a saúde, a segurança, ou as tecnologias de informação. Dado o volume e abrangências das normas, organizações como a ISO (International Standards Organization) dedicam-se ao seu desenvolvimento e ao apoio aos países que queiram aderir à normalização. As normas podem servir, em particular, os países em vias de desenvolvimento, concentrados em algumas regiões do globo, que podem ter dificuldades na participação na economia global, devido às carências económicas, sociais e políticas de que sofrem. Este estudo visa providenciar informações sobre a difusão de normas como um meio de promover boas práticas nas empresas e analisar a sua perspectiva geográfica, nomeadamente ao nível das regiões menos desenvolvidas. Nesta dissertação procura-se descrever e compreender a adoção de normas em vários países do mundo e em Portugal. A nossa análise, a nível “inter-nacional” (com ênfase nos países em desenvolvimento) e a nível “intra-nacional” (com atenção em relação às regiões portuguesa em maiores dificuldades), pretende contribuir para estudar as heterogeneidades na normalização, que existem nestes dois níveis.
Today’s global world, result of the fast technological evolution and the development of new products and processes, is characterized by the strong interaction between nations, companies and people. Global trade gains a whole new dimension in light of the exchanges between borders and the economies depend more and more on their international relationships. Standards have the purpose of promoting trade on a large scale, as they establish requirements and create interchangeability between products’ components and processes. Standardization aims to eliminate informational and technical trade barriers that are created, reducing transaction costs. Nevertheless, standards’ range goes beyond trade, reaching other society areas, such as health, security or ICTs (Information and Telecommunications Technology). Due to the volume and reach of standards, there are organizations, such as ISO (International Standards Organization) that dedicate themselves to the development of standards and support the countries on their search of standardization. Standards can be of use, particularly, to developing countries, localized on specific regions of the globe that may have difficulties on participating on global economy, mainly due to their economic, social or political problems. This study seeks to provide information on the propagation of standards as a way of promoting good practices in the companies and analyze standards through a geographic perspective, focusing on the less developed regions. In this study we aim to describe and understand de adoption of standards in several countries of the world and in Portugal as well. Our analysis, on an “inter-national” level (with a focus on developing countries) and on an “intra-national” level (with special attention to the the Portuguese regions that are struggling the most), intends to contribute to learn about the heterogeneities of standardization, that exist on both levels.
URI: http://hdl.handle.net/10071/6296
Designation: Mestrado em Economia da Empresa e da Concorrência
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Normalizacao_AnaMFilipe_ISCTE.pdf1.2 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.