Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5868
acessibilidade
Title: Gestão da informação: estado das artes e estudo exploratório
Authors: Tavares, João António Martins
Orientador: Vaz, José Manuel
Keywords: Gestão empresarial
Gestão da informação
Informação
Sector bancário
Portugal
Information
Information management
Business management
Banking sector
Issue Date: Sep-1991
Citation: TAVARES, João António Martins - Gestão da informação: estado das artes e estudo exploratório [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 1991. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5868>.
Abstract: No universo da Gestão Empresarial, essencialmente pragmático, assiste-se a um crescente interesse pelas questões da Informação e das Tecnologias da Informação, quer como uma via eficaz para a resolução de muitos problemas operacionais quotidianos, quer como um instrumento estratégico de grande potencial; por outro lado, no universo da Informática, essencialmente tecnológico, assiste-se a um crescente interesse pelas questões da Gestão, como forma de aproximar e adequar as inovações tecnológicas e os meios informáticos aos complexos problemas das organizações. Estes interesses concordantes jogam-se numa área nova, mal estruturada e de contornos ainda imprecisos, que se pode designar por "Gestão da Informação"; esta ideia insere-se numa linha de pensamento que considera a Informação, no seu sentido lato e incluindo a sua vertente tecnológica, como um recurso organizacional, cuja gestão coloca problemas específicos, susceptíveis de merecer uma atenção especial. Uma leitura atenta da literatura especializada de Gestão e de Informática permite distinguir um conjunto crescente de importantes contributos, dispersos e complexos, mas revelando possuírem em comum as preocupações e os interesses acima referidos. Por outro lado, os estudos empíricos são ainda pouco frequentes, reveladores duma considerável prudência face à novidade do tema. A presente dissertação concentra-se no estabelecimento do "estado das artes" da Gestão da Informação, em torno da questão como gerir o recurso organizacional "Informação". Esse estado das artes é complementado por um estudo empírico de características exploratórias junto do sector bancário português, com o intuito de avaliar o entendimento e a consciência desta problemática, e avaliar, de forma genérica, o "estado das coisas" em termos de como é gerida a Informação nas empresas do sector. Relativamente ao estado das artes são abordados os temas considerados centrais na Gestão da Informação: a Estratégia para a Informação e as implicações estratégicas da Informação, o Planeamento da Informação e a necessidade de estabelecer uma Arquitectura para os Sistemas de Informação da organização; são ainda abordadas as questões consideradas infra-estruturais, tais como os Recursos Humanos, a Estrutura organizativa, e a Tecnologia. Todos estes aspectos são revistos, com referência e síntese dos principais contributos sobre eles recentemente publicados. O estudo exploratório, por seu lado, detecta a existência duma considerável consciência da importância da Informação enquanto recurso estratégico, a par de algumas lacunas na formação e no conhecimento dos temas relacionados com a sua gestão, causas ou efeitos dum estado intermédio de desenvolvimento em termos de como é feita essa gestão. A dissertação comporta ainda: A identificação de variadas áreas c aspectos onde os esforços de investigação são necessários, possível graças à vocação exploratória do estudo, associada à novidade do tema; O estabelecimento de um paralelo entre o estado das artes, exaustivamente percorrido, com a realidade observada, apontando algumas linhas de acção e evolução para as empresas do sector bancário; Uma perspectiva da evolução futura da Gestão da Informação, identificando os actuais desafios e tendências que o tema encerra.
In the Management world, mainly pragmatic, we can see an increasing concern about Information and Information Technology issues, as an effective way of solving operational and daily problems, and as a strategic tool of great potential; on the other hand, in the Information Systems world, mainly technological, we can see an increasing concern about Management issues, as a way of approach and fit the technological innovations to the complex problems of the organizations. These common concerns stand in a new area, unstructured and still with undefined borders, that we can call "Information Management"; this idea considers Information, in a large sense and including its technological side, as an organizational resource, which management poses specific problems, leading to the need of a special attention. A careful reading of Management and Information Systems specialized literature lets us distinguish an increasing number of important contributes, scattered and complex, but having in common the concerns mentioned above, On the other hand, empirical researches are still in a small number, and showing a considerable caution facing the youth of the area. The present thesis concentrates in settling the "state of the arts" of Information Management, about the main question of how to manage the organizational resource "Information". That state of the arts is completed with an empirical research of Portuguese banks, having an exploratory vocation, with the purpose of to evaluate the comprehension and conscience of these problems, and to understand, generically, how Information is managed. In terms of the state of the arts, the text focuses on the issues considered central in Information Management: the Information Strategy and the strategic impact of Information, the Information Planning the need of obtaining an Information Systems Architecture: infra-structural issues, such as Human Resources, organizational Structure and Technology are also focused. Ali these issues are carefully examined, referencing and synthesizing the main contributes recently published. The exploratory study reveals the existence of a considerable conscience of the importance of Information as a strategic resource, and some deficiencies in education and knowledge of the issues concerned with its management, reasons and effects of a intermedium state of development in terms of how is that management done. The thesis also includes: The identification of several areas and issues where research efforts are necessary, possible thanks to the exploratory purpose of the study and to the youth of the area; A comparison between the state of the arts, carefully reviewed, and the observed reality, setting some evolution patterns and some guidelines for the banks; A perspective of the future of Information Management as a new area, identifying its present challenges and trends.
URI: http://hdl.handle.net/10071/5868
Designation: Mestrado em Ciências Empresariais
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
teseMestrado_ISCTE_1991.pdf131.04 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.