Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5493
acessibilidade
Title: Esquemas de financiamento societário: a emissão de valores mobiliários híbridos
Authors: Garcês, André João Rodrigues
Orientador: Almeida, António Pereira de
Keywords: Instrumentos financeiros híbridos
Capital contingente
Financiamento
Sociedades comerciais
Hybrid securities
Contingent capital
Financing
Commercial companies
Issue Date: 2012
Citation: GARCÊS, André João Rodrigues - Esquemas de financiamento societário: a emissão de valores mobiliários híbridos [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5493>.
Abstract: Os mercados financeiros internacionais e a economia portuguesa em particular, têm revelado uma inércia particularmente preocupante no que se refere à implementação de soluções alternativas aos canais tradicionais de financiamento. As primeiras tentativas para contornar o problema foram ensaiadas pela banca internacional, que procurou captar recursos através da emissão de instrumentos financeiros híbridos que permitissem, a um tempo, cumprir determinados rácios de capital (por apresentarem características próprias das participações sociais) e angariar recursos suficientes junto de investidores com o mínimo de consequências negativas colaterais para os anteriores investidores e para as próprias instituições. Estes valores mobiliários híbridos correspondem, assim, a uma categoria nova de instrumentos financeiros que apresentam diversas vantagens operacionais, contabilísticas e fiscais, pelo que poderão (e deverão) servir de mecanismos alternativos de financiamento para sociedades não financeiras ou PME’s ou microempresas, mesmo que organizadas sob a forma jurídica de sociedades por quotas.
International financial markets and the Portuguese economy in particular, have revealed a particularly disturbing inertia with regard to the implementation of alternatives to traditional financing channels. The first attempts to solve the problem were designed by international banks, which sought to raise funds through the issuance of hybrid instruments that allowed, at the same time, the institution to meet certain capital ratios (due to the equity-like features of such instruments) and raise sufficient resources from investors with minimal negative side effects to the previous investors and the institutions themselves. These hybrid securities correspond thus to a new category of financial instruments that offer several advantages and should, in consequence, serve as alternative funding mechanisms for non-financial corporations or SMEs and microenterprises.
URI: http://hdl.handle.net/10071/5493
Designation: Mestrado em Direito das Empresas
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Esquemas de Financiamento das SA - Dissertação Rev. Final.pdf1.02 MBAdobe PDFView/Open
Anexo A - Ficha Técnica ISE.pdf132.29 kBAdobe PDFView/Open
Anexo B - Ficha Técnica Acções Especiais.pdf114.28 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.