Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5427
acessibilidade
Title: A literacia financeira entre os alunos de mestrado
Authors: Duarte, Hugo Filipe Oliveira
Orientador: Laureano, Luís Miguel da Silva
Keywords: Conhecimento
Financeiro
Estudantes
Mestrado
Knowledge
Financial
Students
Masters
Issue Date: 2012
Citation: DUARTE, Hugo Filipe Oliveira - A literacia financeira entre os alunos de mestrado [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5427>.
Abstract: De acordo com a literatura revista, a definição de literacia financeira incide sobre o conhecimento e a capacidade para comunicar sobre conceitos financeiros, aptidão para gerir as finanças pessoais, capacidade para tomar decisões financeiras apropriadas e confiança em planear com eficiência o futuro das necessidades financeiras. A importância de altos níveis de conhecimento financeiro, para a população em geral, é reconhecida um pouco por todo o mundo e as causas dos baixos níveis registados são apontadas ao aumento da complexidade da economia, à falta de educação financeira nas escolas e universidades, à cultura persuasiva de satisfação imediata provocada pelo marketing de consumo agressivo e à proliferação de créditos disponíveis. Tanto a nível internacional como nacional, têm-se desenvolvido campanhas e iniciativas com o objectivo de alertar para a importância deste tema, bem como de aferir os níveis de conhecimento financeiro da população. No entanto, em Portugal, este tema ainda está pouco desenvolvido nas escolas e universidades. Ainda de acordo com o estudo bibliográfico, a importância dos estudantes universitários possuírem um conhecimento financeiro elevado é fundamental para o seu futuro. A recolha de dados foi efectuada através da aplicação de questionários aos alunos dos mestrados de continuidade do ISCTE. A amostra abrangeu 8 mestrados de 3 escolas e é constituída, maioritariamente, por alunos com idades compreendidas entre os 20 e os 23 anos, com mesadas/salários superiores a 200€, e com experiência profissional superior a 2 meses. Os resultados mostram que a média de respostas certas ao questionário é de 54%, o que, segundo as definições deste estudo, significa um ―Baixo‖ nível de literacia financeira destes estudantes. A partir daqui, concluiu-se que as características dos indivíduos com níveis de conhecimento financeiro mais altos são, os homens, os inquiridos com idades compreendidas entre os 20 e os 21 anos, os que têm algum tipo de experiência profissional e os estudantes dos mestrados pertencentes à Business School. Foi ainda possível concluir que os inquiridos apenas mantêm registos financeiros mínimos, o que poderá mostrar um descontrolo do que gastam, bem como do que poupam.
According to the literature, the definition of financial literacy focuses on the knowledge and ability to communicate about financial concepts, ability to manage personal finances, ability to make appropriate financial decisions and confidence in planning effectively future financial needs. The importance of high levels of financial literacy for the general population is recognized all over the world and the low levels recorded are due to the increasing complexity of the global economy, lack of financial education in schools and universities, persuasive culture of immediate satisfaction caused by aggressive consumer marketing and the proliferation of credits available. Both internationally and domestically, campaigns and initiatives have been developed with the aim of raising awareness of the importance of this topic as well as to measure financial knowledge levels of the population. However, in Portugal, this topic is still poorly developed in schools and universities. Also according to the review of literature, the importance of university students having a high financial knowledge is critical to their future. Data collection was conducted through questionnaires to students of Masters of continuity of ISCTE. The sample comprised eight masters of three schools and is made mostly by students aged between 20 and 23 years, with allowances/salaries above € 200, and professional experience over 2 months. The results show that the average of correct responses to the questionnaire is 54%, which, according to the definitions of this study, means a "low" level of financial literacy of students. The results show that the characteristics of individuals with higher levels of financial literacy are, men, respondents aged between 20 and 21 years, those who have some kind of professional experience and the students of the Business School. It was also concluded that the respondents maintain only minimal financial records, which may show a lack of control on spending and saving.
URI: http://hdl.handle.net/10071/5427
Designation: Mestrado em Gestão
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tese Completa.pdf2.76 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.