Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5286
acessibilidade
Title: As relações de emprego e a gestão dos recursos humanos nas maiores empresas em Portugal
Authors: Braga, Mariana Leite
Orientador: Stoleroff, Alan
Keywords: Relações de emprego
Gestão dos recursos humanos
Maiores empresas
Portugal
Sindicatos
Desregulação
Teoria da escolha estratégica
Teoria das negociações
Employment relations
Human resource management
Largest companies
Unions
Deregulation
Strategic choice theory
Negotiation theory
Issue Date: 2006
Citation: BRAGA, Mariana Leite - As relações de emprego e a gestão dos recursos humanos nas maiores empresas em Portugal [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2006. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5286>.
Abstract: O projecto de investigação “Adaptação do Sistema Sindical Português às Transformações Sócio-Económicas e Organizacionais”, coordenado pelo Professor Alan Stoleroff (CIES-IUL) e financiado pela FCT, procurou conhecer a realidade laboral portuguesa nas empresas que constituíam o conjunto de grandes empregadores do nosso país no início do séc. XXI. Da análise qualitativa e quantitativa, com particular suporte num exaustivo inquérito por questionário às maiores empresas em Portugal, foi possível retirar algumas pistas interessantes que serviram de base a esta dissertação. Após o delinear do enquadramento económico, social e institucional ao nível do emprego no nosso país, em diálogo com os principais debates teóricos actuais sobre as relações de emprego e a gestão dos recursos humanos, foi possível traçar as grandes questões de trabalho centradas na hipótese principal de haver, em paralelo, tendência para a convergência na percepção das prioridades das maiores empresas em Portugal no que concerne à gestão dos recursos humanos e relações de emprego, a par de divergência nas estratégias e práticas efectivamente desenvolvidas nestas áreas. Tendo sido efectuados os testes estatísticos relevantes para as diferentes variáveis e questões em estudo, foi possível estabelecer alguns dos grandes eixos de variabilidade e confluência ao nível das auto e heteropercepções gestionárias e dos representantes laborais, bem como das medidas levadas à prática. Foi assim possível chegar a resultados que dão luz favorável à nossa hipótese inicial e recolocam problemas como a competitividade, a flexibilização, a representação colectiva dos trabalhadores e a receptividade à participação dos organismos de representação na gestão das pessoas nas maiores empresas em Portugal, centrais para a compreensão da dinâmica laboral neste contexto.
The research project “Adaptação do Sistema Sindical Português às Transformações Sócio-Económicas e Organizacionais”, co-ordinated by Professor Alan Stoleroff (CIES-IUL) and funded by FCT, tried to capture the Portuguese labour outlook in the country’s major employers at the onset of the 21st Century. Qualitative and quantitative analysis enabled the delimitation of a few interesting clues to follow up on this dissertation, particularly through the results of a rather thorough survey applied to Portugal’s largest companies. An introductory presentation of the economic, social and institutional environments framing employment in Portugal, complemented by the discussion about the main contemporary theoretical debates on employment relations and human resource management, supported the definition of key research issues pointing to our central hypothesis – there is a parallel trend towards convergence in perceptions and divergence in strategies and practice, as far as companies’ priorities go in terms of human resources and employment relations. Appropriate statistical testing and ensuing data point towards a few significant variation versus confluence axes regarding managers’ and union representatives’ auto- and heteroperception, as well as the actual measures claimed by these actors. It was therefore possible to reach a set of results that underpin our starting hypothesis and reset problems such as competitiveness, flexibilization, collective representation and receptiveness to the participation of representation bodies in people management in the largest companies in Portugal, which are crucial to understanding labour dynamics in this context.
URI: http://hdl.handle.net/10071/5286
Designation: Mestrado em Ciências do Trabalho
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tese de Mestrado Completa MLB.pdf2 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.