Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5229
acessibilidade
Title: A criação da categoria imigrantes em Portugal na revista Visão: jornalistas entre estereótipos e audiências
Authors: Costa, Alexandre
Orientador: Raposo, Paulo
Keywords: Imigração
Jornalismo
Portugal
Estereótipos
Media
Immigration
Journalism
Stereotypes
Issue Date: 2009
Citation: COSTA, Alexandre - A criação da categoria imigrantes em Portugal na revista Visão: jornalistas entre estereótipos e audiências [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2009. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5229>.
Abstract: Esta tese analisa o modo como a categoria Imigrantes em Portugal é criada e veiculada pela newsmagazine Visão. Enquanto publicação dentro do espaço simbólico português, é marcada pelo contexto de um Estado-nação pós- colonial, com os imigrantes enquadrados numa lógica de inferioridade. Sendo portugueses a maioria dos leitores da Visão, a cobertura do assunto surge no âmbito do falar sobre os Outros, de Nós para Nós, com os jogos de poder inerentes. No período analisado, entre 2002 e 2008, houve fortes alterações demográficas; a imigração em Portugal continuou a aumentar e a diversificar-se, e depois abrandou. Os artigos da Visão revelam preocupação em dar uma imagem positiva dos imigrantes, mas, ao fazê-lo, os jornalistas jogam com os estereótipos e conceitos naturalizados no senso comum, por vezes procurando desmontá-los, noutras ficando dentro deles mesmo sem se aperceberem. A categoria ‘imigrantes em Portugal’ costuma restringir-se aos que afluem aqui por razões financeiras; estrangeiros ricos escapam em geral à categoria. A defesa da tolerância e dos direitos humanos, desde sempre ligada à identidade da Visão, passou a jogar com a pressão das audiências; artigos em tom negativo arranjam espaço mais dificilmente. O tema não é dos mais apelativos na lógica das audiências. Durante o período analisado os artigos sobre imigração em Portugal surgiram esporadicamente, registando-se actualmente a sua diminuição. A ligação à perspectiva do senso comum é algo activamente procurado, embora não necessariamente com a obrigação de concordar. Os jornalistas tendem a não se afastar muito dos conceitos naturalizados.
ABSTRACT This paper examines how the category ‘immigrants in Portugal’ is created and disseminated by the newsmagazine Visão. As a publication within the symbolic space of a post-colonial country; immigrants are framed within a logic of inferiority. Since most Visão readers are Portuguese, coverage happens as a discourse about the Others, from Ourselves to Ourselves, with all the power games such process implies. The period considered, between 2002 and 2008, is marked by strong demographic changes, with the continuing increase and diversification of immigration in Portugal, and its later slowing down. There is concern with giving a positive image of immigrants, but doing so means engaging with common-sense stereotypes and concepts, sometimes dismantling them, sometimes being so inside of them that they are unconsciously reaffirmed. The category ‘immigrants in Portugal’, generally speaking, corresponds to that of foreigners who are brought here by economic difficulties; rich foreigners tend to evade the category. An intention to promote tolerance and human rights, which is part of Visão’s identity, has become enmeshed with the pressure to gain or keep audiences; stories with a depressing side get ever less space. Articles about immigrants in Portugal are not the most appealing, within a logic of audience share. During the period under analysis, they appeared sporadically, with diminishing frequency. A closeness to common perspectives is something actively pursued, not in the sense that journalists have to agree, but must at least engage them. Journalists tend not to stray far from ‘naturalized’ concepts.
URI: http://hdl.handle.net/10071/5229
Designation: Mestrado em Antropologia
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
ImigrantesemPortugalVisao.pdf17.69 MBAdobe PDFView/Open
Resumos.docx12.59 kBMicrosoft WordView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.