Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5055
acessibilidade
Title: Fundos de titularização de crédito em Portugal: perspectiva do emitente e investidor
Authors: Marcos, Joana Filipa da Cruz
Orientador: Ramos, Sofia
Keywords: Asset securitization
Credit securitization funds
Asset backed securities
Residential mortgage back securities
Titularização de activos
Fundos de titularização de crédito
Issue Date: 2012
Citation: MARCOS, Joana Filipa da Cruz - Fundos de titularização de crédito em Portugal: perspectiva do emitente e investidor [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5055>.
Abstract: Asset securitization has become a key element in raising funds in both foreign and domestic capital markets. It emerged in the seventies in the U.S.A. and in Europe, and in the recent years we have seen a significant increase in volume and value of emissions of assets securitization. The goal of this work is to study the underlying reasons for this outstanding evolution, as well as to clarify the concept of asset securitization, to describe the process of financing operations and describe the evolution of this product in the Portuguese market. We analyze the case se of an issuance of Residential Mortgage Back Securities by a large Portuguese bank, in which we will focus on the roll out of the operation and its market performance. After the subprime crises, the demand for this product has fall, prices have decreased and yields have increased, providing a good return for the level of rating. Asset securitization is considered as a means of alternative financing, has proved to be a very useful tool which allows reconciling the goals and needs of investors, issuers and market.
A titularização de activos tornou-se num instrumento essencial na angariação de recursos nos mercados de capitais internacionais e também nacionais. Desde que surgiu na década de 70 nos E.U.A. e na Europa, tem-se assistido ao crescimento em volume e quantidade das emissões de operações de titularização de activos. Estudar as razões deste fantástico desempenho é o objectivo deste trabalho. O presente estudo pretendeu clarificar o conceito de titularização de activos, descrever o processo desta operação de financiamento e apresentar a evolução do mercado português deste produto. Procurou-se também analisar os fundos de titularização de créditos, modalidade bastante desenvolvida em Portugal, através da apresentação de um caso real de uma emissão de Residencial Mortgage Back Securities, analisando a construção da operação e a sua performance no mercado. A titularização de activos, considerada como meio de financiamento alternativo, demonstrou ser uma óptima ferramenta para conciliar objectivos e necessidades entre investidores, emitentes e mercado.
URI: http://hdl.handle.net/10071/5055
Designation: Mestrado em Finanças
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
TeseJFMarcos.pdf519.7 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.