Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/5052
acessibilidade
Title: All that glitters is not gold: diversification strategies in reserve portfolio management
Authors: Jerónimo, Liliana Brandão
Orientador: Oliveira, Luis
Keywords: Risk diversification
Asset allocation
Commodities
Reserve management
Issue Date: 2012
Citation: JERÓNIMO, Liliana Brandão - All that glitters is not gold: diversification strategies in reserve portfolio management [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/5052>.
Abstract: Considering an investment set restricted to bond indices, this paper analyses whether adding commodities will expand the investment frontier. The case study is based on a hypothetical reserve management portfolio fully invested in the fixed income market and tries to assess whether commodities act as a natural diversifier. The approach differs from standard analysis by focusing exclusively on a EUR based investor with a preference for avoiding foreign exchange exposure. The analysis uses a database from 2000 to 2011 and applies a mean variance optimization process to the historical data. The results obtained confirmed that, under the assumptions and the database considered, the diversification results in an expansion of the efficient frontier, leading to a better risk/return profile. The outcomes stood even after some stress tests to the potential weak spots: i) seeing if it works outside the crisis period; ii) imposing a maximum tracking error vs. the original bond only portfolio and iii) varying the correlation among bonds and commodities (from original negative values to zero/positive).
Partindo de uma carteira constituída apenas por índices obrigacionistas, o presente estudo procura analisar o impacto da inclusão de um índice de commodities na referida carteira. O objectivo é verificar se o alargamento do conjunto de investimentos inicial provoca uma expansão da fronteira de eficiência. A análise é baseada numa hipotética carteira de gestão de reservas investida totalmente no mercado obrigacionista procurando, numa fase subsequente, verificar se as commodities funcionam como um elemento de diversificação. O processo distingue-se das análises tradicionais através do seu enfoque numa carteira denominada exclusivamente em euros, considerando que o investidor tem preferência por evitar exposição cambial directa. A base de dados cobre o período entre 2000 e 2011, sendo sujeita a uma optimização no espaço média-variância. Os resultados obtidos confirmam que, considerando as hipóteses e a base de dados utilizada, a diversificação levou a uma expansão da fronteira de eficiência, com os correspondentes ganhos no binómio rentabilidade/risco. Os resultados mantiveram-se válidos quando sujeitos a alguns testes: i) análise excluindo o período da crise financeira; ii) imposição de tracking error máximo vs. carteira original (obrigações) e iii) variação da correlação entre obrigações e commodities (dos valores negativos originais para zero/positiva).
URI: http://hdl.handle.net/10071/5052
Designation: Mestrado em Finanças
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Commodities_Diversification_April2012.pdf849.66 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.