Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/4982
acessibilidade
Title: Empreendedorismo no sector da beleza : brasileiras na Quinta do Conde
Authors: Chaves, Tiago Miguel Marques
Orientador: Padilla, Elsa Beatriz
Keywords: Feminização das migrações
Quinta do Conde
Beleza
Empreendedorismo étnico
Brasil
Feminization of migration
Quinta do Conde
Beauty
Ethnic entrepreneurship
Brazil
Issue Date: 2012
Citation: CHAVES, Tiago Miguel Marques - Empreendedorismo no sector da beleza : brasileiras na Quinta do Conde [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2012. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/4982>.
Abstract: Empreendedorismo no Sector da Beleza: Brasileiras na Quinta do Conde O ponto de partida para esta pesquisa, surgiu no decorrer de um estudo anterior (2009) em que durante o trabalho de campo, constatou-se a sobre-representação de um sector que doravante será designado por sector/ramo da beleza na Quinta do Conde, freguesia do concelho de Sesimbra que, para além da sua enorme visibilidade, encontra-se centrado no género feminino e num grupo bem concreto. Nessa perspectiva, pretende-se efectuar uma etnografia da globalização no feminino, mapeando os percursos migratórios de mulheres brasileiras residentes na freguesia da Quinta do Conde e que se tornaram empreendedoras no sector da beleza. Procurar-se-á descodificar se a sua opção por este ramo, se deveu a uma questão de oportunidade, necessidade ou disposições sociais e se o mercado se encontra baseado nesse aspecto, numa lógica marcada pela nacionalidade no que respeita às contratações efectuadas. Serão salientadas questões económicas que lhes são inerentes: averiguar os prós e contras na tomada de decisão que se pensa ser neste processo decisiva e fulcral e que passa pela sua partida do Brasil e chegada a Portugal e pela opção de abertura de um salão de cabeleireiro e tudo o que isso acarreta (burocracia; dinheiro; energia; tempo; disponibilidade; conhecimentos). Outras questões abordadas, prendem-se com o capital social, as cooperações/redes e relações de família e conterrâneos que se vão tecendo entre quem se estabelece em Portugal e aqueles que aguardam a sua vez de fazer o mesmo; condições relacionadas com o mercado de trabalho português, bem como a exposição ainda que em traços genéricos da vida dos imigrantes na Quinta do Conde, sem nunca esquecer duas premissas que desde sempre alavancaram o presente trabalho – o género feminino e a nacionalidade brasileira. Por último, pretende-se entrar no campo das representações, na medida em que se fará algumas incursões por uma temática tão subjectiva como de difícil operacionalização como é o conceito de “beleza” em articulação com a nacionalidade brasileira. Em concreto, aborda-se o conceito de capital corporal que se reflecte na procura por uma aparência física juvenil que assume no Brasil, contornos de um verdadeiro capital, (Bourdieu, 1987), através da uso de determinadas práticas que transformam o corpo "natural", num corpo “distintivo” (Bourdieu, 1988), possibilitando dessa forma à mulher brasileira, uma entrada no mercado de trabalho que se pensa permanecer acessível, resultante das “poucas barreiras iii técnicas e financeiras à entrada, da intersecção do género e da etnicidade, criando uma espécie de capital social étnico de género” (Rodrigues, 2010). Na prática, pretende-se confrontar sob a forma de várias questões, as proprietárias brasileiras de salões de cabeleireiro com os serviços que oferecem e que não existem nos salões das suas colegas portuguesas; os produtos utilizados; as técnicas/métodos empregues e que no final, se poderão expressar num “ideal de beleza brasileiro” pretendido pelas suas clientes. Uma nota final ou melhor, uma ressalva para o facto de que não existe qualquer propósito neste trabalho, de expor uma visão essencialista da mulher brasileira, colocando-a porventura como um ideal ou o modelo de beleza feminino a seguir. Pelo contrário. Pretende-se testar essa premissa, até porque não existe uma mulher brasileira. No plano teórico, conclui-se portanto que de acordo com a pesquisa bibliográfica realizada, os fluxos migratórios femininos nos últimos anos têm aumentado de uma forma significativa, exponenciando as questões ligadas às variáveis de género, bem como a preponderância que a comunidade brasileira assumiu em Portugal no contexto dos fluxos migratórios contemporâneos. No plano prático, as conclusões apontam para alguns traços em comum entre as entrevistadas, com as questões económicas e a língua portuguesa a assumirem um papel de relevo na opção pela escolha de emigrar para Portugal. O empreendedorismo acabou por ser nesse processo, uma “fuga para a frente” das informantes, evitando assim o desemprego e a passagem que se julga, a uma situação cada vez mais problemática e de difícil resolução. Note-se que a abertura de salões de cabeleireiro e centros de estética, decorrem de um processo que começou na sua infância e/ou adolescência e que aqui se se designou por “disposições sociais”, ou seja, aquilo que se pode entender por uma dimensão do habitus de cada um(a), Dessa forma, as informantes brasileiras aqui apresentadas, aproveitaram o seu conhecimento e experiência com o exercício da sua actividade de cabeleireira e/ou esteticista, para enveredarem por essa saída profissional, dinamizando e criando riqueza, permitindo às suas proprietárias, sentirem-se integradas na sociedade portuguesa contemporânea.
Entrepreneurship in the Beauty Industry: Brazilian Women in Quinta do Conde The main point to this work emerged from a previous study (2009) during fieldwork, when we found the over-representation of a sector that will henceforth be referred to as the beauty sector/industry in Quinta do Conde, located in Sesimbra that, in addition to its high visibility, is centered on a specific female group. From this perspective, we intended to do an ethnography of globalization on women, mapping the migratory paths of Brazilian women living in Quinta do Conde that became entrepreneurs in the beauty sector. Efforts will be made to realize if their choice within this field is connected to a matter of chance, need or social dispositions and if the market hires following nationality criteria. We will highlight economic issues attached to them: exploring the pros and cons along the decision process as decisive and crucial, what they go through at departure from Brazil and upon to Portugal, and the option of opening a hair salon and all that that it entails (bureaucracy, money, energy, time, availability, knowledge). Other issues related to social capital, the cooperation/networks and relationships of family and countrymen that weave between them, those who established in Portugal and those awaiting their turn to do the same; the conditions related to the Portuguese labor market, as well as their exposure, even in generic traits, to the life of immigrants in Quinta do Conde, without forgetting two premises that have always leveraged this work – female/gender and Brazilian nationality. At last, we intend to enter the field of representations to make some incursions in a topic which is subjective and difficult to operationalize, the concept of Beauty in conjunction with the Brazilian nationality/ethnicity. In particular, we discuss the concept of corporal capital which has been started to be discuss recently, in the quest of a youthful physical appearance that takes in Brazil special relevance as true capital (Bourdieu, 1987). Through the use of certain practices transforming the "natural" body in a "distinctive" one (Bourdieu, 1988), Brazilian woman are able to enter the labour market, which is thought to be accessible, resulting from "a few technical and financial barriers to entry, the intersection of gender and ethnicity, creating a kind of ethnic capital of gender "(Rodrigues 2010). In practice, we intend to confront of various issues, interviewing Brazilian owners of hair salons about the services they offer that are not available in the hair salon owned by v Portuguese women, what products they use, the techniques/methods employed and in the end, if what they provide coincides with the “ideal of Brazilian beauty”, desired by their customers One final is to make clear that this work does not aim at exposing an essentialist view of Brazilian women, placing it perhaps as an ideal or ideal of feminine beauty. On the contrary, it intends to test this premise, because there is not only one type of Brazilian woman. In theory, it is therefore concluded that according to the literature searched, the female migration flows in recent years have increased, emphasizing the issues related to gender, as well as the preponderance of the Brazilian community in Portugal took over in the context of contemporary migration flows. On a practical level, the conclusions show some common traits among the informants, with the economic issues and the Portuguese language to assume a role in the choice of Portugal to emigrate. Entrepreneurship was in that process a "flight forward" of them, avoiding for example the unemployment and the passage to a problematic and difficult situation. It is important to say that the opening of hairdressing salons and beauty centers, began in childhood and/or adolescence and is here termed by "social provisions". In other words, what can be understood by a dimension of the habitus of each. Thus, the Brazilian informants presented here, took his knowledge and experience with the exercise of their activity of hairdresser/beautician to work as professional, streamlining and creating wealth, allowing its owners the integration in the contemporary Portuguese society.
URI: http://hdl.handle.net/10071/4982
Designation: Mestrado em Antropologia
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
TESE (versão-correcta)V2.pdf1.25 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.