Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/4308
acessibilidade
Title: Analysis of the market for insurance-linked bonds from an investors perspective
Authors: Waldmüller, Bernhard
Orientador: Ramos, Sofia
Keywords: Alternative risk transfer
Insurance-linked securities
Catastrophe bonds
Securitization
Issue Date: 2011
Citation: WALDMÜLLER, Bernhard - Analysis of the market for insurance-linked bonds from an investors perspective [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2011. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/4308>.
Abstract: Born in a situation of low reinsurance capacity after big catastrophes in the 90s, catastrophe bonds, also known by the name cat bonds, evolved quickly to a well-established niche investment product with a market volume of $ 15 bn outstanding bonds in 2010. This work addresses important facts about investing in cat bonds. I start by explaining why cat bonds have become so important for the whole (re)insurance industry and the complex structure of catastrophe bonds, with emphasis on the triggers. To see how the industry evaluates risks in this area I analyze the rating process of two rating companies. Furthermore I outline shortcomings in this process such as the principal-agent conflicts. I then analyze the factors that determine the spreads and the yields of catastrophe bonds. Spreads are primarily based on the modeled expected loss of a bond, but also the reinsurance cycle, type of peril and type of trigger play a role for determining the spread of an insurance-linked bond. The analyzes of the historical correlation between cat bonds and traditional assets, shows that this asset class offers diversification benefits for investors since it has low correlation with stocks, investment grade bonds and high-yield bonds. The recent earthquake in Japan is studied to measure the impact of a catastrophe on the market index. Although cat bonds have traditionally been acquired by institutional investors, it is then analyzed how the product has expanded for retail investors. Several investment firms appeared in the market and specialized only on investing in Insurance-Linked Securities. Through these specialized funds, also retail investors get the opportunity to invest in cat bonds and obtain diversification benefits. Finally, I conclude with the current state of the market for catastrophe bonds. There are high barriers to entry for retail investors. Cat bonds are difficult to evaluate due to its complex structure and risks. Valuation requires expertise on the field of the reinsurance business as well as quantitative techniques. Solvency II and recent events in 2011 are expected to give the market a further boost, since cat bonds play a vital role nowadays in the risk management of governments, insurance and reinsurance companies.
As obrigações sobre catástrofes surgem devido à baixa capacidade de resseguro do sector (re)segurador após grandes catástrofes nos anos 90, e evoluíram rapidamente para um nicho de mercado bem estabelecido com um volume de mercado de $ 15 biliões de dólares no ano 2010. Este trabalho analisa diversos factos importantes sobre investimentos em obrigações sobre catástrofes. Começa-se por explicar porquê as obrigações sobre catástrofes se tornaram tão importantes para a indústria de (re)seguros e a sua estrutura complexa com ênfase na activação das apólices. Para averiguar a avaliação de riscos nessa área, é analisado o processo de notação de duas empresas de rating. Além disso, são discutidas algumas deficiências deste processo, tais como os conflitos de agência. São também analisados os factores que determinam os spreads e os rendimentos das obrigações sobre catástrofes. Os spreads são determinados primariamente com base em modelos de perda esperada, mas também o ciclo de resseguros, o tipo de fatalidade e na activação da apólice. De seguida é analisada a correlação histórica entre as obrigações sobre catástrofes e activos tradicionais, concluindo-se que esta classe de activos oferece benefícios de diversificação para os investidores uma vez que tem baixa correlação com acções e obrigações. O recente terramoto no Japão é estudado para medir o impacto de uma catástrofe no índice de mercado. Embora as obrigações sobre catástrofes tenham sido tradicionalmente adquiridas por investidores institucionais, este activo têm-se expandido também para o segmento dos investidores de retalho. Várias empresas de investimento especializadas neste mercado Insurance-Linked Securities. Através destes fundos, também os pequenos investidores têm a oportunidade de investir em obrigações sobre catástrofes obtendo os benefícios da diversificação. O trabalho é concluído com uma análise ao estado actual do mercado de obrigações sobre catástrofes. Existem fortes barreiras à entrada de pequenos investidores, devido à dificuldade em avaliar sua complexa estrutura e riscos. A avaliação exige conhecimentos no campo da actividade de resseguro, bem como o domínio de técnicas quantitativas. É esperado que o acordo de Solvência II e os recentes acontecimentos em 2011, venham dar ao mercado um novo impulso, uma vez que as obrigações sobre catástrofes desempenham um papel crucial nos dias de hoje na gestão do risco dos governos, companhias de seguros e de resseguros.
URI: http://hdl.handle.net/10071/4308
Designation: Mestrado em Finanças
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Master thesis Final_Bernhard Waldmueller.pdf2.01 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.