Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/2980
acessibilidade
Title: Haverá diferenças individuais na capacidade para detectar a mentira e a honestidade nos outros?
Authors: Rodrigues, Andreia
Arriaga, Patrícia
Keywords: Detecção da Mentira
Diferenças individuais
Género
Inteligência emocional
Detecting lying
Individual differences
Gender
Emotional intelligence
Issue Date: 2010
Abstract: Este artigo investigou se diferenças individuais, como o género e a inteligência emocional, contribuem para a detecção da mentira e da honestidade. Adicionalmente, os indícios usados nos julgamentos de mentira foram analisados. Noventa estudantes universitários de ambos os sexos foram expostos a oito gravações em vídeo que exibiam pessoas adultas (quatro homens e quatro mulheres) a responder às mesmas questões numa entrevista (metade mentiu; a outra metade foi honesta). No geral, a percentagem de respostas correctas para a detecção da mentira foi aproximadamente o que seria de esperar em respostas ao acaso; para a detecção da honestidade a precisão foi inferior a valores ao acaso. Os participantes também responderam com maior frequência que os alvos foram “desonestos”, sugerindo um enviesamento nos seus julgamentos. Os acertos mostraram-se não associados à maioria das dimensões de inteligência emocional. Em relação a diferenças de género, os participantes do sexo masculino foram significativamente more precisos na detecção da mentira; enquanto as mulheres mais precisas na detecção da honestidade, independentemente do género do alvo. Várias possíveis explicações emergiram e foram discutidas com base na pesquisa e teoria nesta área.
Abstract: This article examined whether individual differences, such as gender and emotional intelligence, contribute to detecting lying and honesty. Additionally, the cues used in judgments about lying were analysed. Ninety university students of both genders were exposed to eight videotapes showing adult persons (four men and four women) answering the same questions in an interview (half were telling the truth; the other half were lying). Overall, the percentage of accurate lie detection was nearly what would be expected by chance; accurate honesty detection was below chance. Participants also responded more often that targets were “dishonest”, suggesting that a bias occurred in their judgments. Accuracy was unrelated to most emotional intelligence dimensions. Regarding gender differences, male participants were significantly more accurate in detecting lying, whereas women were more accurate in detecting honesty, regardless of the gender of the target. Several possible explanations were raised and discussed based on research and theory in this area.
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/2980
Appears in Collections:CIS-RN - Artigos em revistas científicas nacionais com arbitragem científica

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
2010_Identificacao_mentira.pdf1.12 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.