Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/21086
acessibilidade
Title: Coca y cocaína: codificación y dimensiones socioculturales en Colombia
Authors: Soto, Daniela Romero
Orientador: Neto, Pedro Figueiredo
Keywords: Cultura
Natureza
Criminalização
Rituais
Violência
Geografia humana
Culture
Nature
Rituals
Criminalization
Violence
Human geographies
Issue Date: 16-Nov-2020
Citation: SOTO, Daniela Romero - Coca y cocaína: codificación y dimensiones socioculturales en Colombia [Em linha]. Lisboa: Iscte, 2020. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/21086>.
Abstract: Esta dissertação propõe uma reflexão acerca de como uma planta e substância derivada, a coca e a cocaína, foram codificadas do ponto de vista histórico, cultural, legal, e sócio-económico. Embora o foco principal seja a Colômbia, a verdade é que se compreende que este processo é repercutido/tem repercussões muito além desta geografia. Assim, esta dissertação aborda determinados processos históricos, analisando as dimensões socioculturais do uso da coca e cocaína. Será examinado o papel da coca enquanto elemento basilar na identidade e práticas culturais ameríndias; mas também a instrumentalização de tais substâncias na extração de recursos naturais e humanos; bem como a sua transformação em cocaína e respectivos significados desde uma cosmovisão ocidental. A dissertação explora ainda as dimensões socioculturais do uso de substâncias e de como tal é gerador de códigos sociais e econômicos diferenciados. Por fim, reflete-se sobre a ideia de natureza e de como o ser humano, a natureza humana, e a própria coca, não lhes é um elemento externo. A contribuição para os estudos internacionais reside no facto de que a coca constitui uma janela para pensar a Colômbia e o mundo. Com efeito, é possível compreender um longo processo com funções multiescalares e multigeracionais com impacto ao nível da cultura, economia, relações sociais e com largo eco noutros acontecimentos, histórias e geografias humanas, presentes, passadas e futuras.
This dissertation proposes a reflection on how a plant and derived substance, coca and cocaine, were codified from the historical, cultural, legal, and socio-economic point of view. The truth is that this process entails repercussions that go far beyond this geography. Thus, this dissertation addresses a number of historical processes, analyzing the socio-cultural dimensions of the use of coca and cocaine. The role of coca as a basic element in Amerindian identity and cultural practices will be examined; but also the instrumentalization of such substances in the extraction of natural and human resources; as well as its transformation into cocaine and its meanings from a Western worldview. The dissertation also explores the socio-cultural dimensions of substance use and how it generates differentiated social and economic codes. Finally, it reflects on the idea of nature and how human beings, human nature, and coca itself is not an external element to them. The contribution to international studies lies in the fact that coca is a window for thinking about Colombia and the world. Indeed, it is possible to understand a long process with multiscale and multigenerational functions with an impact on culture, economics, social relations and with wide echo in other human events, histories and geographies, present, past and future.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/21086
Thesis identifier: 202557057
Designation: Mestrado em Estudos Internacionais
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Master_Daniela_Romero_Soto.pdf4.11 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.