Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/21048
acessibilidade
Title: O consumo Informativo em Portugal e práticas de verificação dos factos
Authors: Alimamade, Karim Gulamali Monteiro
Orientador: Lapa, Tiago
Keywords: Sociedade em redeliteracia dos media
Literacia noticiosa
Literacia digital
Desinformação fact-checking
Network society
Media literacy
News literacy
Digital literacy
Disinformation
Fact-Checking
Issue Date: 24-Nov-2020
Citation: Alimamade, K. G. M. (2020). O consumo Informativo em Portugal e práticas de verificação dos factos [Dissertação de mestrado, Iscte - Instituto Universitário de Lisboa]. Repositório do Iscte. http://hdl.handle.net/10071/21048
Abstract: Vivemos numa era onde a proliferação da Internet possibilita uma comunicação global em rede, mudando assim a forma como as pessoas comunicam, pensam e agem, existindo constantes desafios relativamente à forma como as mesmas assimilam conhecimentos, competências e conteúdos, traduzindo-se em diferentes níveis de literacia mediática e digital (Castells & Cardoso, 2005). O fenómeno da desinformação é um fator, entre outros, que coloca estes mesmos desafios ao ser humano, onde podemos olhar para o "fact-checking" como uma forma de mitigar a proliferação e o consequente impacto deste mesmo fenómeno na vida em sociedade (Lapa, Quintanilha & Silva, 2019). Foi realizado um questionário online a 300 indivíduos, incluindo um "quiz" para classificação de determinadas notícias, de forma a perceber como as pessoas consomem notícias e os mecanismos que utilizam para verificar se esse mesmo consumo é constituído por conteúdos verdadeiros ou falsos. Ou seja, perceber, por um lado, se níveis de literacia mediática e digital influenciam os indivíduos nas suas dietas informativas, incluindo práticas de fact-checking e, por outro, se existem relações entre práticas de "fact-checking" e variáveis sociodemográficas como a idade, a escolaridade, a profissão e o rendimento. Através dos resultados, foi possível perceber que, apesar de níveis de literacia mediática e digital proporcionarem uma maior consciencialização nos inquiridos em relação à desinformação, isso não significa que os mesmos consigam identificar sempre conteúdos falsos. Para além disto, importa referir que fatores como a idade e o nível de escolaridade estão intimamente ligados à prática de "fact-checking".
We live in an era where the proliferation of the Internet enables global networked communication, thus changing the way people communicate, think and act, with constant challenges in terms of how they assimilate knowledge, skills and content, translating into different levels of media and digital literacy (Castells & Cardoso, 2005). The phenomenon of disinformation is a factor, among others, that poses these same challenges to human beings, where we can look at fact-checking as a way to mitigate proliferation and the consequent impact of this same phenomenon on the society (Lapa, Quintanilha & Silva, 2019). An online questionnaire was carried out on 300 individuals, including a quiz for the classification of certain news’ items, in order to understand how people consume news and the mechanisms they use to verify whether that same consumption is constituted by true or false content. That is, to understand, on the one hand, whether levels of media and digital literacy influence individuals in their informational diets, including fact-checking practices, and, on the other, whether there are relations between fact-checking practices and sociodemographic variables such as age, education, job role and income. Through the results, it was possible to realize that, although levels of media and digital literacy provide greater awareness among respondents regarding disinformation, this does not mean that they are always able to identify false content. In addition, it should be noted that factors such as age and education level are closely linked to the practice of fact-checking.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/21048
Thesis identifier: 202555780
Designation: Mestrado em Comunicação, Cultura e Tecnologias da Informação
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
master_karim_monteiro_alimamade.pdf1.53 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.