Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/20540
acessibilidade
Title: “Nós, as meninas da minha família, sempre vamos muito cedo para lá”: trajetórias migracionais, redes sociais e espaços de vida das domésticas migrantes
Authors: Almeida de Faria, G. J.
Alves Ferreira, M. L.
Narciso Rocha de Paula, A. M.
Keywords: Trajetórias espaciais
Migrações rurais-urbanas
Mulheres
Redes migratórias
Trabalho doméstico
Minas Gerais
Brasil
Issue Date: 26-Jun-2020
Publisher: DINÂMIA'CET-ISCTE
Abstract: Neste trabalho, são analisadas as trajetórias migratórias de domésticas do Norte de Minas Gerais-Brasil, considerando o enfoque nas redes sociais e espaços de vida. O texto ancora-se na realização de entrevistas semiestruturadas com mulheres migrantes, relacionando com dados secundários do Censo do IBGE /2010. Investem-se nas causas que provocam a migração e como as redes sociais contribuem para as relações de gênero nas migrações. Conclui-se que as redes promovem a inserção no mercado laboral, a adaptação na sociedade e a manutenção dos laços familiares e culturais com a região de destino, e igualmente uma guetização dos empregos femininos
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/20540
DOI: 10.15847/cct.jun2020.040.doss.art02
ISSN: 2182-3030
Appears in Collections:DINÂMIA'CET-RI - Artigo em revista científica internacional com arbitragem científica

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
4. FARIA et al_Nos as meninas.pdf312.92 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.