Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/19875
acessibilidade
Title: As práticas de sharenting nos sítios de redes sociais: Limites para a partilha de conteúdo online
Authors: Brito, Inês Margarida Ferreira
Orientador: Silva, Tiago José Ferreira Lapa da
Keywords: Sharenting
Menores
Facebook
Parentalidade
Segurança online
Minors
Parenting
Online security
Sociologia da comunicação
Rede social
Criança -- Child
Segurança informática
Issue Date: 12-Dec-2019
Citation: Brito, I. M. F. (2019). As práticas de sharenting nos sítios de redes sociais: Limites para a partilha de conteúdo online [Dissertação de mestrado, Iscte - Instituto Universitário de Lisboa]. Repositório Iscte. http://hdl.handle.net/10071/19875
Abstract: Estudos associados aos riscos do acesso à Internet e ao controlo por parte dos pais da exposição a que os menores se colocam no dia-a-dia, são aspetos que têm vindo a ser apresentados como centrais na relação entre as práticas digitais dos menores e a influência do mundo digital na parentalidade. A Parentalidade foca-se no acompanhamento do acesso às plataformas digitais nomeadamente sobre potencialidades e consequências que estas poderão ter na vida dos menores. Face a estas preocupações, novas práticas vão emergindo da constante dinâmica nas redes sociais online. Uma dessas questões está direcionada para o conceito de sharenting (partilha parental). Do ponto de vista do foco da pesquisa, o número de informação partilhada online pelos menores dá lugar à informação que os seus progenitores (mãe e pai) disponibilizam diariamente na plataforma Facebook. O método qualitativo por meio de entrevistas realizadas aos pais com filhos menores de idades compreendidas entre os 8 e os 17 anos permite comparar dois períodos de idade distintos, relacionando com o grau de sharenting existente. Os resultados demonstraram que existe uma forte propensão para a partilha de conteúdos de carácter informativo sobrepondo-se aos pessoais, ocorrendo independentemente do género e idade do menor, porém em graus de partilha diferentes.
Studies associated with the risks of access to the Internet and the control by parents of the everyday exposure of the minors are aspects that have been presented as central to the relationship between their digital practices and the influence of the digital world on parenting. Parenthood focuses on monitoring access to digital platforms and on producing knowledge about the potentialities and consequences they may have on their lives. In the face of these concerns, new practices are emerging from the constant dynamics of social networking sites, shifting to the concept of sharenting (parental sharing) triggering new research. For the point of view of the research focus, the number of information shared online by the minors gives way to information that their parents make available daily on Facebook. The qualitative method through interviews with parents with children aged between 8 and 17 years allows comparing two different ages periods relating to the degree of existing sharenting. Results have shown that sharenting are very common among parents, regardless of gender and age, however there is a greater tendency for sharing more informative content than personal but in different degrees of sharing.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/19875
Thesis identifier: 202437671
Designation: Mestrado em Comunicação, Cultura e Tecnologias da Informação
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
master_ines_ferreira_brito.pdf1.38 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.