Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/19755
acessibilidade
Title: Wine and gastronomy: experiences in Lisbon
Authors: Madeira, Arlindo das Neves
Orientador: Correia, Antónia
Filipe, José António
Keywords: Wine tourism
Tourist destination brand
Experience economy model
Social network theory
Enoturismo
Gastronomia
Vinho
Experiências enogastronómicas memoráveis
Imagem do destino
Modelo de equações estruturais
Análise de conteúdo
Issue Date: 5-Nov-2019
Citation: MADEIRA, Arlindo das Neves - Wine and gastronomy: experiences in Lisbon [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2019. Tese de doutoramento. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/19755>.
Abstract: Nowadays, wine tourism helps to create unforgettable experiences that involve tourists with the local culture, landscape, leisure activities, gastronomy and wine. Memorable enogastronomic experiences drive tourists’ destination choices and their attitudes at the destination. These emergent experiences, considered nowadays as tourism in its essence, have been the realm of the competitiveness position of some regions in Portugal and outside. This research aims to contribute to the understanding of how and why a region with wines could pave its way to being recognized as a wine tourism destination. The study was conducted in the Lisbon wine region. Lisbon has a very rich and diverse local cuisine which is complemented by the wines produced in the newly created wine region. However, there is still a lack of well-defined enogastronomic routes that could help to promote this type of tourism as well as the Lisbon brand image. As a starting point, the study adopted the Pine and Gilmore Economic Experience Model as the framework defined in order to respond to the research problem. Firstly, the study reviews and discusses the existing literature devoted to wine tourism, with a special focus on the wine tourism experience that the guest faces when coming into contact with the elements comprising the wine tourism experience. The literature review leads us to a conceptual model where the traits of the enogastronomic experience which were depicted to represent the Guest-Host-Place interaction. Secondly, the conceptual model was tested in an emergent wine region – Lisbon. To achieve this goal, a survey was applied to a convenience sample of wine tourists who visited Lisbon (Portugal). Considering a binomial distribution with maximum dispersion, a sample of 314 respondents were used to test the model. The statistical analysis for the study followed three phases: firstly, an Exploratory Factor Analysis (EFA) was performed to define the structure of the traits which were most significant in explaining enogastronomic experiences; secondly, a Confirmatory Factor Analysis (CFA) was performed to further confirm the structure of the identified factors; and finally, Structural Equation Modelling (SEM) was used to test the hypotheses and to validate the conceptual model. As an experience has a personal meaning for those involved in it, content analysis was undertaken to reveal dimensions of this experience that the items tested could be hiding. The qualitative results of the interview analysis reveal that gastronomy and wines play a major role in the way that visitors experience a destination and indicate that some tourists would return to the same destination to savour its unique gastronomy and wines. The contributions of this study to the body of knowledge are discussed, as well as the strategical implications, together with the limitations of the study and suggestions for further research.
Hoje em dia, o enoturismo ajuda a criar experiências inesquecíveis que envolvem o turista com a cultura local, a paisagem, as atividades de lazer, a gastronomia e o vinho. As experiências enogastronómicas memoráveis direcionam as escolhas de destino dos turistas e suas atitudes no destino. Estas experiências emergentes, consideradas hoje como turismo na sua essência, têm sido o domínio da posição de competitividade de algumas regiões, em Portugal e no exterior. Esta pesquisa visa contribuir para a compreensão de como e porquê uma região vitivinícola pode ser reconhecida como um destino de turismo de vinhos. O estudo foi realizado na região vitivinícola de Lisboa, com uma gastronomia local muito rica e diversificada que é complementada pelos vinhos produzidos na região vinícola recentemente criada. No entanto, ainda faltam rotas enogastronómicas bem definidas que possam ajudar a promover este tipo de turismo, bem como a imagem de Lisboa. Como ponto de partida, o estudo adotou o Modelo da Experiência Económica de Pine e Gilmore como a estrutura definida para responder ao problema de pesquisa. Em primeiro lugar, o estudo analisa e discute a literatura existente dedicada ao enoturismo, com especial enfoque na experiência enoturística com que o convidado se depara quando entra em contacto com os elementos que compõem a experiência do enoturismo. A revisão de literatura conduz-nos a um modelo conceptual onde os traços da experiência enogastronómica foram representados para caraterizar a interação Convidado-Anfitrião-Lugar. Em segundo lugar, o modelo conceptual foi testado numa região de vinhos emergentes - Lisboa. Para atingir este objetivo, esta tese desenvolve-se com base numa conveniência de turistas que visitaram Lisboa (Portugal). Considerando uma distribuição binomial com máxima dispersão, foi usada uma amostra de 314 participantes para testar o modelo. A análise estatística para o estudo seguiu três fases: em primeiro lugar foi realizada uma análise fatorial exploratória (EFA), para definir a estrutura dos atributos que foram mais significativos na explicação das experiências enogastronómicas, em segundo lugar, foi realizada uma Análise Fatorial Confirmatória (CFA) para confirmar a estrutura dos fatores identificados e, finalmente foi utilizado um Modelo de Equações Estruturais (SEM) para testar as hipóteses e validar o modelo conceptual.Como uma experiência tem um significado pessoal para os envolvidos, a análise de conteúdo foi realizada para revelar dimensões dessa experiência que os itens testados poderiam esconder. Os resultados qualitativos obtidos da análise das entrevistas, revelam que a gastronomia e os vinhos desempenham um papel importante na forma como os visitantes experimentam um destino e indicam que alguns turistas regressariam ao mesmo destino para saborear a sua gastronomia e vinhos únicos. As contribuições deste estudo são discutidas numa perspetiva científica e metodológica. São apresentados os contributos e implicações estratégicas, juntamente com as limitações e sugestões para futuras pesquisas.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/19755
Thesis identifier: 101582056
Designation: Doutoramento em Gestão do Turismo
Appears in Collections:T&D-TD - Teses de doutoramento

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
phd_arlindo_neves_madeira.pdf1.79 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.