Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/19529
acessibilidade
Title: Da desconcentração à descentralização administrativa em Angola: o caso da futura instituição das autarquias locais
Authors: Ferro, José Miguel
Orientador: Gomes, João António de Salis
Keywords: Estado
Administração pública
Reforma administrativa
Autarquia local
State
Public administration
Administrative reform
Local authorities
Descentralização
Angola
Issue Date: 20-Dec-2019
Citation: FERRO, José Miguel - Da desconcentração à descentralização administrativa em Angola: o caso da futura instituição das autarquias locais [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2019. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/19529>.
Abstract: Os Estados hodiernos são diferentes dos antigos por terem passado por várias metamorfoses inerentes, obviamente, a todas sociedades humanas. Outrora o poder do soberano confundia-se com o da Administração Pública porque sendo uma monarquia nele se reuniam todos os poderes: Executivo, Legislativo e Judicial. Eis por que Luís XIV declarou-se: “L’État, ce moi” (o Estado sou eu). Assim, o Estado Moderno transformou-se ao longo dos cerca 500 anos (da sua origem até hoje), graças às revoluções liberais americana (1776) e francesa (1789), que inauguraram o período do Estado de Direito Liberal que atravessou todo o século XIX e se esticou até à Iª Guerra Mundial a partir da qual a soberania passou a pertencer a cada povo que, por sua vez, a delegou aos seus legítimos representantes (eleitos), mas com os três poderes separados: Parlamento, com função legislativa; Governo, com incumbência executiva e; Tribunais, com competência judicial. Ora, Angola, desde que é Estado, tem vindo a reformar-se e com ele toda a sua Administração Pública, sobretudo desde 2017, um movimento rumo à criação das Autarquias Locais quais pedras de toque de toda descentralização administrativa das democracias mais avançadas do nosso tempo, pois, o Estado, sendo uma entidade superior e macro não pode, por mais que tenha tal vontade, satisfazer as necessidades coletivas (locais) senão tiverem si entes autónomos locais regulados por um Regime Jurídico (típico) à luz da sua Constituição e respetiva legislação ordinária em prol da Democracia Local.
Today's States are different from the old States in that they have undergone various metamorphoses inherent, obviously, in all human societies. Formerly the power of the sovereign was confused with that of the Public Administration because being a monarchy in him gathered all the powers: Executive, Legislative and Judicial. This is why Louis XIV declared himself: "L'Etat, ce moi" (The State is me). Thus, the Modern State changed over the course of some 500 years (from its origin to this day), thanks to the American (1776) and French (1789) liberal revolutions, which inaugurated the period of the Liberal Rule of Law that spanned the entire century. It stretched to World War I from which sovereignty came to belong to each people, who in turn delegated it to their legitimate (elected) representatives, but with the three separate powers: Parliament, with legislative function; Government, with executive responsibility and; Courts with judicial jurisdiction. Angola has been reforming since then, and with it all it’s Public Administration, especially since 2017, a movement towards the creation of Local Authorities as the cornerstones of all administrative decentralization of the most advanced democracies of our country. therefore, the State, being a superior and macro entity, cannot, however willingly, satisfy the (local) collective needs unless they have local autonomous entities regulated by a (typical) Legal Regime in the light of its Constitution and ordinary legislation in favor of Local Democracy.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/19529
Thesis identifier: 202352153
Designation: Mestrado em Administração Pública
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Master_Jose_Miguel_Ferro.pdf838.61 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.