Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/19297
acessibilidade
Title: Principais obstáculos e desafios à intervenção do assistente social no serviço de urgência geral
Authors: Sustelo, Mafalda Bastos
Orientador: Pena, Maria João Barroso
Keywords: Serviço social hospitalar
Serviço de urgência geral
Obstáculos
Desafios
Hospital social service
General emergency health service
Obstacles
Challenges
Issue Date: 6-Dec-2019
Citation: SUSTELO, Mafalda Bastos - Principais obstáculos e desafios à intervenção do assistente social no serviço de urgência geral [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2019. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/19297>.
Abstract: O Serviço de Urgência é a porta de entrada dos doentes ao Serviço Nacional de Saúde e associado ao diagnóstico clínico, muitas vezes apresentam problemas sociais. O dilema do Serviço Social Hospitalar, e especialmente, na Urgência, passa por fazer coincidir, simultaneamente, a alta clínica e a alta social. "Quais os obstáculos e desafios enfrentados pelos Assistentes Sociais a trabalhar neste Serviço?" Foi esta a pergunta que motivou o desenvolvimento desta investigação. Sustentada no enquadramento teórico, esta dissertação centra-se na intervenção do Assistente Social em contexto de Serviço de Urgência Geral. A metodologia utilizada assenta no paradigma interpretativo, lógica indutiva com recurso a abordagem qualitativa, complementada por quantitativa. Numa primeira fase, é feita uma caracterização do utente sinalizado ao Serviço Social. Numa segunda fase, através de entrevistas a Assistentes Sociais a trabalhar neste contexto, analisamos a intervenção que é efetuada junto dos utentes/famílias e em interação em equipa multidisciplinar, bem como com as instituições locais. Por fim, é feita uma análise dos desafios enfrentados no âmbito do exercício das suas funções, bem como as dificuldades ao nível intra e interinstitucional. As dificuldades apresentadas neste estudo têm um impacto direto nos Assistentes Sociais que diariamente lidam e tentam contornar as limitações com que se deparam para garantir ao utente uma alta hospitalar com segurança e bem-estar. Esta investigação aborda esse impacto, fazendo-nos questionar acerca da emergência de repensar práticas e respostas à população mais vulnerável.
The Emergency Health Service is the patients' gateway to the National Health Service and, along with the clinical diagnosis, often presents social problems. The dilemma associated with hospital social services - particularly in the Emergency Room - is to be able to coincide the clinical discharge and social discharge. "What are the obstacles and challenges faced by Social Workers working on this Service?" This is the question that motivated the development of this research. Sustained by the theoretical framework, this dissertation focuses on the Social Worker's intervention in a general urgency service context. The methodology is based on the interpretative paradigm and inductive logic, using a qualitative approach, also complemented by a quantitative approach. In a first phase, a description of the flagged health user is made to the Social Services. In a second phase, through interviews with Social Workers working in this context, we analyzed the intervention that is carried out with health users/families, in interaction with a multidisciplinary team, as well as with local institutions. Finally, it's made an analysis of the challenges faced during the performance of their functions, as well as the difficulties they found, at the intra and interinstitutional level. The obstacles have an impact on social workers who deal with this limitations daily and try to work around them to ensure that the health user has a hospital discharge with safety and welfare. This research addresses that impact, making us wonder about the urgency of rethinking practices and responses to the population that's most vulnerable.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/19297
Thesis identifier: 202334511
Designation: Mestrado em Serviço Social
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
master_mafalda_bastos_sustelo.pdf3.97 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.