Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/18959
acessibilidade
Title: Corrupção e deslegitimação da democracia: um terreno fértil para a emergência do populismo
Authors: Marques, Tiago Alexandre Gouveia
Orientador: Bezerra, Marcelo Moriconi
Keywords: Ciência política
Corrupção
Administração pública
Populismo
Participação eleitoral
Portugal
Corruption
Populism
Public administration
Electoral perception
Issue Date: 16-Oct-2019
Citation: MARQUES, Tiago Alexandre Gouveia - Corrupção e deslegitimação da democracia: um terreno fértil para a emergência do populismo [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2019. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/18959>.
Abstract: Esta tese procura entender o fenómeno da corrupção e a sua relação com o populismo. Nos últimos anos, a multiplicação de escândalos de corrupção na imprensa tem empiorado a perceção da corrupção. Estudos anteriores têm evidenciado que o estereótipo do político está associado a uma moralidade negativa (Moriconi e Ramos, 2017). É neste contexto que a tendência atual está virada para líderes populistas, que se aproveitam das ameaças constantes às instituições democráticas por todo o mundo e enunciam uma retórica de um povo mais unido contra a corrupção e a caminho da igualdade económica (Galito, 2017). A perceção da corrupção tem vindo a aumentar em Portugal e tem contribuído para uma crise democrática que afeta todos os setores da sociedade. A mediatização de casos corrupção com a participação de funcionários públicos e grandes figuras do Governo tem vindo a deixar os cidadãos com a sensação de que tudo e todos são corruptos, de que é necessária uma mudança radical, de que precisam de novos líderes com novos fundamentos, mas que principalmente, não sejam corruptos e que prossigam valores morais e éticos de forma a exercer o poder de forma transparente. Neste sentido procedeu-se à criação de um modelo de análise sobre a perceção dos processos eleitorais e características do conjunto social "políticos”, que consiste em oito hipóteses com fundamento nas respostas às afirmações recolhidas do questionário realizado à população alvo (portugueses com mais de 18 anos), de forma a perceber como surge o populismo no contexto democrático e se será possível acontecer no nosso país, pela primeira vez. Numa visão geral do problema, apesar de os resultados serem um pouco ambíguos, foi possível verificar que, apesar da falta de confiança que os portugueses inquiridos têm do típico político, ainda não sentem a necessidade de ver uma mudança de paradigma e aceitar a presença de um populista no Governo.
This thesis seeks to understand the phenomenon of corruption and its relation to populism. In recent years, the multiplicity of corruption scandals in the press has aggravated the perception of corruption. Previous studies have shown that the stereotype of the politician is associated with a negative morality. It is in this context that the current trend is directed towards populist leaders who take advantage of the constant threats to democratic institutions around the world and enunciate a rhetoric of a united people against corruption and towards economic equality. The perception of corruption has been increasing in Portugal and has contributed to a democratic crisis that affects all sectors of society. The mediatization of corruption cases involving public officials and major figures of the Government has been leaving citizens with the feeling that everything and everyone is corrupt, that a radical change is needed, that they need new leaders with new foundations, but above all, that they are not corrupt and that they pursue moral and ethical values in order to exercise power transparently. In this sense, a model of analysis on the perception of electoral processes and characteristics of the "political" social group was created, which consists of eight hypotheses based on the answers to the statements collected from the questionnaire to the target population (Portuguese over 18 years) in order to understand how populism arises in the democratic context and if it is possible to happen in our country for the first time. In an overview of the problem, although the results are somewhat ambiguous, it was possible to verify that, despite the lack of confidence that the portuguese respondents have of the typical politician, they still do not feel the need to see a paradigm shift and accept the presence of a populist in the Government.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/18959
Thesis identifier: 202289583
Designation: Mestrado em Administração Pública
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Master_Tiago_Gouveia_Marques.pdf2.37 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.