Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/18464
acessibilidade
Title: As políticas de prevenção e de combate da União Europeia ao terrorismo jihadista
Authors: Bento, Ana Filipa Martins
Orientador: Rodrigues, Luís Nuno
Pires, Nuno Lemos
Keywords: Política de segurança
Política europeia de defesa
Radicalismo
Terrorismo
Permuta de informação
Prevenção de riscos
European Union
Jihadist terrorism
Prevention
Combat
Issue Date: 14-Dec-2018
Citation: BENTO, Ana Filipa Martins - As políticas de prevenção e de combate da União Europeia ao terrorismo jihadista [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2018. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/18464>.
Abstract: Depois dos ataques em Madrid, em 2004, e em Londres, em 2005, a Europa vê-se confrontada com novos ataques terroristas de cariz jihadista que assolaram o território europeu, desde 2015 até à atualidade (2018), chamando a atenção para as limitações das políticas existentes. Assim, a União Europeia tem vindo a desenvolver esforços significativos na área da luta contra o terrorismo, que podem ser aplicados direta ou indiretamente ao terrorismo jihadista. O crescimento dos ataques perpetrados por atores solitários e, mais recentemente, o regresso dos combatentes estrangeiros, e dos seus familiares, apresenta-se como uma possível ameaça securitária dentro da União Europeia. Desta forma, a União Europeia procura lidar com todas as dimensões associadas a este tipo de terrorismo. Como tal, pretendese compreender as políticas de prevenção e de combate elaboradas pela União Europeia, tanto a nível interno como externo.
Following the attacks in Madrid in 2004 and in London in 2005, Europe is confronted with new jihadist terrorist attacks that have swept Europe from 2015 to the present (2018), drawing attention to the limitations of existing policies. The European Union has therefore made significant efforts in the area of counter-terrorism, which can be applied directly or indirectly to jihadist terrorism. The growth of attacks perpetrated by lonely actors and, more recently, the return of foreign fighters and their families presents itself as a possible security threat within the European Union. In this way, the European Union seeks to deal with all the dimensions associated with this type of terrorism. As such, the aim is to understand the European Union's prevention and combat policies, both internally and externally.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/18464
Thesis identifier: 202138011
Designation: Mestrado em Estudos Internacionais
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Master_Ana_Martins_Bento.pdf868.83 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.