Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/178
acessibilidade
Title: Individualização e exclusão. A transição para o ensino secundário no centro de Madrid
Authors: Abrantes, Pedro
Keywords: Transições
Sistema de ensino
Insucesso escolar
Issue Date: 2006
Publisher: CIES-ISCTE
Series/Report no.: CIES e-WORKING PAPER
N° 14/2006
Abstract: Adolescentes em trânsito entre o ensino primário e o secundário obrigatório documentam a rápida integração numa nova teia relacional mas também a difícil adaptação a um novo contexto institucional, mais académico e selectivo, em que as aulas expositivas e o estudo em casa se tornam predominantes. Com base num inquérito e em entrevistas a alunos e professores no primeiro ano da ESO (7º ano de escolaridade) em cinco escolas do centro de Madrid, analisam-se os contornos actuais desta transição, para assim questionar o sentido da ESO, enquanto ciclo intermédio, nas várias formas como está a ser apropriado. Confirma-se que o campo educativo, mesmo nos seus níveis básicos e universais, continua marcado por um insucesso escolar massivo, concentrado nos segmentos mais desfavorecidos da sociedade, hoje maioritariamente imigrantes de regiões mais pobres. Reúnem-se evidencias de que a transição para a secundária constitui um momento socialmente complexo, em que se torna manifesto o processo de individualização, com a constituição de uma autonomia adolescente que está na génese dos projectos identitários, ao mesmo tempo que se reforçam as pressões institucionais para a exclusão de uma parte da população escolar.
Teen-agers in transit from elementary to secondary school manifest a rapid integration into a new social network, but they also exhibit some hardship to adapt to an institutional context in which taught classes and home study prevail. Based on a broad survey and a set of interviews conducted with students and professors of the 7th year of schooling in five schools of Madrid, this paper analyze the current features of this transition. The results confirm that massive school failure continues to characterize basic, formally universal education, especially among the least affluent, who are mostly immigrants from poorer regions. Evidence is gathered that shows the complexity of transition from primary to secondary level of education, when tensions between individual identity formation and institutional pressures to adapt foster the exclusion of a significant part of school population.
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/178
ISSN: 1647-0893
Appears in Collections:CIES-WP - Working papers

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
CIES-WP14_Abrantes_.pdf255.88 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.