Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/16637
acessibilidade
Title: Perceptions of the attitudes and policies towards religion at portuguese workplaces
Authors: Pereira, Mónica Isabel Gaspar
Orientador: Jalali, Marjan Sara Fonseca
Keywords: Religion
Organizations
Freedom of religious expression
Workplace
Gestão
Liberdade religiosa
Ambiente de trabalho
Religião
Comportamento organizacional
Organizações
Issue Date: 15-Dec-2017
Citation: PEREIRA, Mónica Isabel Gaspar - Perceptions of the attitudes and policies towards religion at portuguese workplaces [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2017. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/16637>.
Abstract: Considering factors such as the increasing awareness of the importance of creating a workplace that accommodates an individual to the fullest, which is seen as an added value for the organization; the increase of migratory flows, mainly as a result of the migratory crisis in the Mediterranean and civil wars, leading to a change in the population of a country; the increasing globalization; the progress regarding the level of awareness of free expression of each individual in society, becomes relevant to question how companies accommodate their employees in this challenging environment. The present thesis aims to analyze and understand the extent to which this accommodation is being considered at Portuguese workplaces, focusing on a specific subject: Religion. Through the study of the perceptions between members of two religious groups, Christians (religious majority) and non-Christians (religious minority). With the elaboration of a questionnaire, the respondents were confronted with diverse topics related to the accommodation of their religiosity in the respective workplaces. It was possible to conclude, according to the respondent’s perceptions, that most organizations in Portugal do not have established religious policies, and that the religious minority is more likely to be discriminated against the religious majority. However, both religious groups feel comfortable in expressing their religious beliefs in the workplace, even considering that discussing religion among colleagues is a taboo subject. The accommodation of religion in Portugal presented a positive perspective, reflected in the choice of the "Faith-Friendly" modality, as a characterization for the respective places of work.
Considerando fatores como o aumento da sensibilização relativamente à importância que representa criar um local de trabalho que acomode um individuo em pleno, sendo este encarado como uma mais valia para a organização; o aumento dos fluxos migratórios, principalmente como resultado da crise migratória do Mediterrâneo e guerras civis, levando a uma mudança no tecido populacional de um país; a crescente globalização; o progresso ao nível da consciência da livre expressão de cada individuo em sociedade, torna-se pertinente questionar como as empresas acomodam os seus colaboradores, neste ambiente tão desafiante. A presente tese tem como objetivo analisar e entender até que ponto essa acomodação está a ser considerada nos locais de trabalho em Portugal, com o foco num tema em especifico: a Religião. Através do estudo das perceções entre membros de dois grupos religiosos, os Cristãos (maioria religiosa) e os não-Cristãos (minoria religiosa). Com a elaboração de um questionário, os inquiridos foram confrontados com diversos temas relacionados com a acomodação da sua religiosidade nos respetivos locais de trabalho. Foi possível evidenciar que a maioria das organizações em Portugal não têm politicas religiosas estabelecidas, e que a minoria religiosa tem uma maior probabilidade de ser discriminada em relação à maioria religiosa. No entanto, ambos os grupos religiosos se sentem confortáveis em expressar as suas crenças religiosas no local de trabalho, mesmo considerando que discutir religião entre colegas é um tema tabu. A acomodação da religião em Portugal apresentou uma perspetiva positiva, refletindo-se na escolha da modalidade “Faith-Friendly”, como caracterização para os respetivos locais de trabalho.
Description: JEL Classification System: M14 - Corporate Culture, Diversity, Social Responsibility Y4 - Dissertations
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/16637
Thesis identifier: 201810786
Designation: Gestão
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
TESE FINAL CD 1.pdf1.94 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.