Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/16480
acessibilidade
Title: Ai se ela "CAE": segmentação de empresas alternativa à classificação portuguesa de atividades económicas
Authors: Fernandes, Dina Isabel Ramos Dinis
Orientador: Cardoso, Margarida G.M.S
Laureano, Luís Miguel da Silva
Keywords: Gestão de empresas
CAE Classificação de Actividades Económicas
Análise de clusters
Segmentação do mercado
Rentabilidade
Portugal
Classificação Portuguesa de Atividades Económicas
Segmentação
Rentabilidade
Issue Date: 21-Dec-2017
Citation: FERNANDES, Dina Isabel Ramos Dinis - Ai se ela "CAE": segmentação de empresas alternativa à classificação portuguesa de atividades económicas [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2017. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/16480>.
Abstract: Todos os dias o tecido empresarial português é avaliado, analisado e descrito nos mais diversos meios de comunicação social. A maioria destas análises utiliza como agrupamento clássico das empresas a Classificação Portuguesa de Atividades Económicas (CAE), isto é, os estudos, notícias e documentos que são apresentados referem-se, salvo raras exceções, a um setor específico da economia: restauração, turismo, indústria farmacêutica… Mas será que nos dias que correm, com a existência de um elevado número de empresas a exercer mais do que um tipo de atividade, é correto estudar as empresas assente nesta classificação? E, deste modo, agrupar e analisar empresas com a mesma CAE que apresentam características completamente diferentes? Basta pensarmos na comparação entre um hipermercado e uma mercearia! Este trabalho pretende encontrar uma forma alternativa de segmentar as empresas, que não pela CAE. A partir de uma amostra da base de dados Amadeus, que inclui vários indicadores de empresas portuguesas, foi construído um modelo de segmentação baseado em indicadores de rentabilidade relativos ao ano de 2014, que permitiu dividir as empresas em três segmentos distintos: empresas padrão, empresas em risco e empresas em destaque.
The Portuguese business structure is evaluated, analyzed and described on a daily basis in a wide variety of media. Most of these analyses use the Portuguese Classification of Economic Activities (CAE) as a classic grouping of companies, i. e., the studies, news and documents that are presented refer, with rare exceptions, to a specific sector of the economy: catering, tourism, pharmaceutical industry… Nowadays with a large number of companies carrying out more than one type of activity, is it correct to study companies based on this classification? And, in the same way, to group and analyze companies with the same CAE representing entirely different characteristics? Suffice to think of the comparison between a hypermarket and a grocery! This dissertation aims at finding an alternative way of segmenting companies, other than CAE. Based on a sample of the Amadeus database, which includes several indicators of Portuguese companies, a segmentation model was built based on profitability indicators for the year 2014, which allowed companies to be divided into three distinct segments: standard companies, companies at risk and prominent companies.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/16480
Thesis identifier: 201791447
Designation: Mestrado em Gestão de Empresas
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
master_dina_dinis_fernandes.pdf1.94 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.