Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/16251
acessibilidade
Title: Novas políticas de ensino superior para a quarta Revolução Industrial. Um lugar para as Humanidades
Authors: Costa, R. C.
Keywords: Humanidades
Universidade
Discursos de reconhecimento de valor
Paradigmas
Terceira revolução industrial
Quarta revolução industrial
Issue Date: 2018
Publisher: APSIOT
Abstract: A quarta Revolução Industrial, com as tecnologias disruptivas que a caracterizam, coloca novos desafios à sociedade, nomeadamente no que diz respeito ao mundo do trabalho e à coesão social. No limite, surge a questão: conseguiremos avançar para a construção de uma sociedade mais humana? Atualmente, vários autores, de diferentes pontos do Globo, convergem na opinião de que a formação e a investigação no domínio das Humanidades também são necessárias para a concretização das expectativas mais otimistas relativas à mudança de paradigma referida. Urge, então, quebrar a dinâmica de desvalorização das Humanidades que, nas últimas décadas, se tem vindo a observar no contexto académico internacional. Esta comunicação tem por objetivo dar voz a discursos de reconhecimento de valor na formação superior em Humanidades. São identificadas e comparadas as perspetivas de diferentes atores sociais, relevantes para a questão em estudo, tais como: universidades e empregadores; alunos, graduados e investigadores em Humanidades. Como suporte empírico, são recuperados e interpretados vários estudos já existentes, independentes uns dos outros, elaborados predominantemente com base em inquéritos. Desta forma, fundamenta-se um discurso de valorização das Humanidades, dissonante do pensamento atualmente dominante. Esta tensão, desvalorização versus valorização das Humanidades, reflete a discussão teórica que tem existido acerca da formação avançada, debate com raízes ideológicas. Na generalidade, as universidades têm estado focadas na preocupação do serviço às economias, apostando sobretudo nas áreas que diretamente podem dar esse contributo. Entretanto, as desigualdades sociais intensificaram-se, como já não era suposto acontecer. A terceira revolução industrial parece ter sido uma oportunidade insuficientemente aproveitada em termos de coesão social, e a influência neoliberal, patente nas políticas públicas que com ela coexistiram, em particular da educação, um entrave a essa realização. Espera-se que uma maior atenção às Humanidades seja um contributo para atenuar esta tendência.
Peer reviewed: yes
URI: https://ciencia.iscte-iul.pt/id/ci-pub-46615
http://hdl.handle.net/10071/16251
ISBN: 978-989-95465-8-5
Appears in Collections:CIES-CRN - Comunicações a conferências nacionais

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
04_xvii_Rosário_Couto_Costa.pdf724.09 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.