Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/16077
acessibilidade
Title: The market value of corporate votes: an option-based approach
Authors: Tomaz, Ricardo Manuel Santos Oliveira
Orientador: Nunes, João Pedro
Keywords: Voting rights value
Options
Put-call parity
Futures
Mercado financeiro
Mercado de futuros
Direito de voto
Acionista
Issue Date: 18-Dec-2017
Citation: TOMAZ, Ricardo Manuel Santos Oliveira - The market value of corporate votes: an option-based approach [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2017. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/16077>.
Abstract: The voting right is fundamental to any shareholder who wishes to have control and make important decisions in companies. Its market value is not directly observed nor easily calculated. Derivatives market, offer an empirical solution to infer the vote value and, through de put-call parity, it is possible to replicate a synthetic non-vote stock but with the same cash flow. The difference between this theoretical stock price and its market value results in the quantification of the vote value. Kalay, Karakas and Pant (2013) implemented this methodology with historical dividends but we apply a new approach by forecasting dividends through the futures market. With a sample of 60 companies retrieved from the S&P100 index, we document a positive value of the vote right equal, on average, to 0.1423% of the stock price. We consider this methodology to offer a good estimation of the voting rights value for the shareholders, contributing in this way to corporate governance studies.
O direito de voto é fundamental para qualquer acionista que deseja deter o controlo e tomar decisões importantes nas empresas. O seu valor de mercado não é observável de forma direta nem é de fácil cálculo. O mercado de derivados oferece uma solução empírica para a inferência do valor do voto e, através do recurso à paridade "put-call", é possível replicar uma ação sintética que reproduz o mesmo "cash flow", mas sem o direito de voto. A diferença entre o valor teórico da ação assim obtido e o seu valor de mercado resulta na quantificação do valor de mercado do voto. Esta metodologia foi implementada por Kalay, Karakas e Pant (2013) com recurso a dividendos históricos, mas, nós aplicamos uma nova abordagem ao estimar os dividendos via mercado de futuros. Com uma amostra de 60 empresas retiradas do índice S&P100, documentamos que esta metodologia determina um valor do direito de voto, sendo o resultado em média de 0.1423% do preço da ação. Consideramos que este modelo é um bom estimador do valor dos direitos de voto do acionista, contribuindo desta forma para o estudo da governação corporativa.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/16077
Thesis identifier: 201791102
Designation: Mestrado em Finanças
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
ricardo_oliveira_tomaz_diss_mestrado.pdf731.45 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.