Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/15259
acessibilidade
Title: Agir nos media: que papel no panorama atual de terrorismo?
Authors: Alexandre, Sofia Fernandes
Orientador: Silva, Rita Maria Espanha Pires Chaves Torrado da
Keywords: Sociologia da comunicação
Jornalismo
Efeitos dos meios de comunicação de massas
Terrorismo
Insegurança
Medo
Communication
Media
Terrorism
Insecurity
Fear
Issue Date: 5-Jul-2017
Citation: ALEXANDRE, Sofia Fernandes - Agir nos media: que papel no panorama atual de terrorismo? [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2017. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/15259>.
Abstract: O terrorismo contemporâneo teve uma evolução que se deve, em grande parte, à forma e à facilidade com que difundimos informação. Numa sociedade onde o terrorismo é mais global e espetacular, os media não podem deixar de lhe dar atenção, uma vez que são a principal fonte de informação das audiências. Os media têm uma grande responsabilidade em informar sobre temas de terrorismo, por isso é importante perceber a forma como este é comunicado e retratado na atualidade, nas sociedades modernas ocidentais. Na possibilidade de minimizar os impactos do discurso jornalístico junto do público, os jornalistas explicam que existem algumas especificidades nas suas rotinas de produção noticiosa a considerar, alertando para o facto de que se não tiverem determinados cuidados com um tema tão delicado, como é o terrorismo, a difusão das notícias sobre esta temática pode levar à construção do preconceito e contribuir para o aumento do sentimento de insegurança, do medo e do pânico entre as pessoas. Nesta dissertação foram privilegiados os métodos qualitativos, através da aplicação de entrevistas a jornalistas com reconhecida experiência na área do terrorismo, de dois canais generalistas de televisão em Portugal, RTP e TVI.
Terrorism and the society in general have evolved, largely, due to the form and ease with which we disseminate information. In a society where terrorism is more global and spectacular, the media cannot ignore it once they are the main information source of the audiences. The media have a great responsibility of informing about terrorism. So, it is important to understand the way how terrorism is communicated and portrayed nowadays, in the modern western societies. Having the possibility of minimize the impact of their speech on the audience, the journalists explain that they consider some specificities in their production routines, alerting to de fact of, if they don’t have certain care with such delicate theme, the diffusion of news about terrorism can lead to the construction of prejudice and contribute to raise the insecurity feeling, the fear and the panic among people. In this dissertation were privileged the qualitative methods, based on interviews of well-known and expert journalists in the terrorism area, from two generalist TV channels in Portugal, RTP and TVI.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/15259
Thesis identifier: 201709511
Designation: Mestrado em Comunicação, Cultura e Tecnologias da Informação
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
DissertaçãoMCCTI_SofiaAlexandre_final.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.