Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/1473
acessibilidade
Title: Paisagens Trocadas: Postais, memórias e olhares sobre a lezíria do Tejo
Authors: Robalo, Carlos António Simões Rodrigues
Orientador: Brito, Joaquim Pais de
Keywords: Bilhetes-postais ilustrados
paisagem
memória social
espaço
identidade local
olhar
coleccionismo
Ribatejo
Vale do Tejo
picture postcards
landscape
social memory
space
local identity
gaze
collecting
Ribatejo
Tagus valley
Issue Date: 2009
Citation: ROBALO, Carlos António Simões Rodrigues – Paisagens Trocadas: Postais, memórias e olhares sobre a lezíria do Tejo [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2009. Tese de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/1473>.
Abstract: Com o ocaso do mundo rural, as paisagens readquirem uma notável expressão no enquadramento da memória e na construção do imaginário de uma sociedade que redesenha a sua imagem e se projecta no tempo, passado e futuro, e é obrigada a interrogar o seu presente. Na demanda das representações da paisagem do Vale do Tejo, elegeram-se os bilhetes-postais ilustrados como fonte primordial de pesquisa. Para os encontrar, foi necessário um longo e perseverante percurso, identificando coleccionadores locais e conseguindo o consentimento para perscrutar as suas colecções, o que veio a revelar novas perspectivas de investigação, multiplicando as possibilidades de olhar o local e os objectos procurados. Desafiando-nos a examinar as perspectivas sobre o lugar, no passado e no presente, os postais são o eixo de uma pesquisa onde se projectam as modulações do olhar: do olhar das pessoas sobre o seu espaço e sobre si mesmas, sobre a forma como pretendem ser olhadas pelos outros, como vêem os outros e como são vistas por eles. Desta forma se intentou elaborar um contributo para a identificação de processos que determinam a construção de um local, a delimitação de um território, o reconhecimento de uma paisagem e, consequentemente, a produção de um sentido de pertença, onde se discorre e representa uma identidade situada.
With the fall of the rural world, landscapes regain a remarkable expression in the framing of the memory and in the construction of the imaginary of a society that redesigns its image and projects itself in time, past and future, and is forced to question its present. In the demand of the Tagus Valley landscape representations, picture postcards were elected as primordial research source. To find them required a long and persisting course, identifying local collectors and getting their assent to study their collections, what has revealed new perspectives of inquiry, multiplying the odds of looking the site and its sought objects. Defying us to examine the perspectives on the place, both in past and present, postcards are the axis of a research where we outlook the modulations of the gaze: the people’s gaze on their space and about themselves, on how they intend to be looked at by the others, how they see the others and how they are seen by them. This way, it was intended to contribute to the identification of processes that determine the construction of a place, the delimitation of a territory, the recognition of a landscape, and hence, the production of a sense of belonging, where a situated identity is discoursed and represented.
URI: http://hdl.handle.net/10071/1473
Designation: Mestrado em Antropologia: Patrimónios e Identidades
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
CD de Carlos_Robalo-Paisagens_Trocadas-2009.pdf16.81 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.