Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/14139
acessibilidade
Title: A eficácia dos sistemas de petições na Europa: o impacto da modernização do caso português, em particular
Authors: Tibúrcio, Tiago
Orientador: André, Freire
Keywords: Direito de petição
Participação política
Comportamento político
Avaliação
Eficácia
Parliaments
Citizens engagement
Right of petition
e-petitions
Participation
Issue Date: 18-Apr-2017
Citation: TIBÚRCIO, Tiago - A eficácia dos sistemas de petições na Europa: o impacto da modernização do caso português, em particular [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2017. Tese de doutoramento. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/14139>.
Abstract: A maioria dos parlamentos da UE prevê o direito de petição, um instrumento de participação dos cidadãos quase tão antigo como os parlamentos. Todavia, este tem sido, desde o dealbar do milénio, objeto de reformas institucionais que visam, através das chamadas petições eletrónicas (petições-E), impulsionar o envolvimento dos cidadãos. Este trabalho oferece uma grelha para avaliar a eficácia dos sistemas de petições parlamentares, tendo a análise realizada ao nível dos parlamentos da UE mostrado a importância das ferramentas institucionais ligadas às petições-E. Recorremos em particular ao caso português para aferir o impacto das petições-E, nomeadamente ao nível do comportamento dos principais atores deste direito (cidadãos, parlamento e governo), confrontando-o com o sistema convencional. Através de um inquérito aos peticionários, mostramos que a introdução das petições-E incrementou os objetivos prosseguidos pelo direito de petição, trazendo mais pessoas, mais jovens e menos habituadas a uma participação política ativa, promovendo uma resposta mais eficaz do parlamento e do governo. Também mostramos a relevância da avaliação deste processo pelos peticionários, tanto para a forma como avaliam o resultado deste exercício como para a confiança nas instituições políticas.
Most parliaments in the EU provide for the right of petition, an instrument almost as old as parliaments. Since the dawn of the millennium, however, it has been the subject of institutional reforms aimed at boosting the involvement of citizens through the so-called electronic petitions (E-petitions). This study provides a framework for assessing the effectiveness of parliamentary petition systems, and the analysis carried out at EU level has shown the importance of institutional tools linked to E-petitions. In particular, we turn to the Portuguese case to assess the impact of E-petitions, namely on the behavior of the main actors of this right, in comparison with the conventional system. Through a survey to the petitioners, we have shown that E petitions meet more and more the goals of this right by bringing more people, younger and less used to active political participation, promoting a more effective response from parliament and government. We also show the relevance of the evaluation of the petition process by the petitioners, both for the way they assess the outcomes of this exercise and for trust in political institutions.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/14139
Thesis identifier: 101549180
ISBN: 978-989-8876-54-6
Designation: Doutoramento em Ciência Política
Appears in Collections:T&D-TD - Teses de doutoramento

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Tese de Tiago Barreto Tibúrcio.pdf4.1 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.