Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/14138
acessibilidade
Title: Corporate responsability in the fast fashion industry: how media pressure affected corporate disclosure after the collapse of Rana Plaza
Authors: Auke, Elise Marita Faret
Orientador: Simaens, Ana Margarida Madureira
Keywords: Corporate social responsibility
Corporate disclosure
Rana Plaza
Media Pressure
Gestão internacional
Responsabilidade social das empresas
Edifício comercial
Meios de comunicação de massas
Bangladesh
Issue Date: 23-Nov-2016
Citation: AUKE, Elise Marita Faret - Corporate responsability in the fast fashion industry : how media pressure affected corporate disclosure after the collapse of Rana Plaza [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2016. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/14138>.
Abstract: This thesis aims to explore the reasons why companies themselves get involved in CSR initiatives and whether global news media attention has an effect on a company’s CSR disclosure and initiatives. The study draws upon legitimacy theory and media agenda-setting theory to explore the link between CSR disclosure and news coverage in the aftermath of the Rana Plaza collapse in 2013. Four global retails H&M, Walmart, Loblaw and Primark were deliberately chosen at the center of the analysis, for their different CSR profiles and their involvement in the Rana Plaza collapse. The thesis is divided into three parts; each part explores in an inductive approach CSR before, during and after the collapse of Rana Plaza. The result of the research and data analysis shows that the disclosures varied depending on the company's CSR profile. The media coverage was different depending on the company's CSR initiatives and pro-activity in relation to the collapse. One company got a substantial amount of positive media coverage, while another got a great deal of negative media attention. The result from the comparison with the disclosures shows that two companies did put effort to improve their disclosure and transparency in their disclosure of CSR activities, while the two other companies were less transparent. This research has shown how preexisting reputation determines how a company is portrayed to the public by the media when it comes to major events and that negative media pressure does not necessary make for more or better disclosures.
Esta tese pretende explorar as razões pelas quais as próprias empresas se envolvem em iniciativas de Responsabilidade Social Corporativa (RSC) e se a atenção mediática global tem efeito na divulgação e iniciativas de RSC de uma empresa. O estudo baseia-se na teoria da legitimidade e na teoria do agendamento para explorar a relação entre divulgação da RSC e cobertura mediática na sequência do desabamento do Rana Plaza em 2013. Quatro retalhistas internacionais, H&M, Walmart, Loblaw e Primark, foram especificamente escolhidos como foco da análise, devido aos seus distintos perfis deii RSC e o seu envolvimento no desabamento do Rana Plaza. Esta tese está dividida em três partes, sendo que cada uma explora, numa abordagem indutiva, o antes, o durante e o depois do desabamento. O resultado da pesquisa e análise dos dados mostram que as divulgações variaram dependendo do perfil de RSC das empresas. A cobertura mediática também foi diferente, dependendo nas iniciativas de RSC das empresas e a sua proatividade perante o desabamento. Enquanto uma empresa recebeu uma considerável cobertura mediática positiva, outra deparou-se com muita atenção mediática negativa. O resultado da comparação das divulgações mostra que duas empresas se esforçaram por melhorar as suas divulgações e a transparência das mesmas nas suas atividades de RSC, enquanto as duas outras empresas foram menos transparentes. Esta pesquisa demonstrou como a reputação preexistente determina a forma como uma empresa é retratada pela imprensa quando se trata de acontecimentos importantes e que a pressão mediática negativa não implica mais ou melhores divulgações.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/14138
Thesis identifier: 201556987
Designation: Mestrado em Gestão Internacional
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Dissertation Elise Auke.pdf1.88 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.